Cidadeverde.com
Vida Saudável

Copa do Mundo: Saiba como proteger a saúde do coração nos dias de jogos

Imprimir


Foto: Renato Andrade/Cidadeverde.com

 

Para os torcedores brasileiros, que estão entre os maiores amantes do futebol, surgem sentimentos como nervosismo, ansiedade, palpitação, entre outras emoções que podem ser gatilhos para incidência de emergências cardíacas. Um estudo da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (USP), realizado em 2013, apontou que as ocorrências de infarto aumentavam entre 4% e 8% em dias de Copa do Mundo.

O Brasil está na 2ª fase da Copa do Mundo do Catar 2022 e joga na segunda-feira (28) contra a Suíça. O médico cardiologista Lucas Cirilo Fernandes destaca a importância de manter a calma durante os jogos, para reduzir as chances de problemas com o coração.

“Os jogos da seleção deixam muitos torcedores à flor da pele. É comum o relato de pessoas que passam mal durante as partidas. A ansiedade pela vitória, e em alguns momentos, a angústia pela derrota, podem provocar estresse emocional”, esclarece.

O cardiologista explica que é fundamental estar atento aos sinais de alerta que podem indicar problemas graves com a saúde. “Se ficar muito ansioso, suando, com dor no peito, coração acelerado, boca seca, mãos frias, náuseas, ânsia de vômito, fique atento, pois pode ser uma arritmia”, recomenda o médico.

“Agora se esses sintomas persistirem acompanhados com dor de cabeça, fraqueza muscular, alterações na fala, deixe a partida imediatamente e procure uma emergência”, acrescenta o cardiologista.

Quem já tem problemas cardiovasculares ou histórico familiar da doença também deve redobrar o cuidado com as emoções durante os jogos.


Veja alguns cuidados que podem ajudar a proteger o coração e a saúde no geral:


1- Faça alimentação saudável e com alimentos leves antes da partida;

2- Evite alimentos ultraprocessados, como refrigerante e salgadinhos;

3- Opte por ingerir frutas, pois auxiliam no controle da ansiedade;

4- Evite a ingestão de bebida alcoólica, mas para quem não abre mão, a dica é se manter hidratado;

5- Busque manter a calma, pois a ansiedade e o nervosismo podem ser gatilhos para emergências do coração;

6- Se você já realiza tratamento cardíaco, evite tomar bebidas com cafeína, pois elas são estimulantes e podem acelerar o coração;

7- Não misture bebida alcoólica com energético, pois é fator que predispõe arritmias;

8- Faça um check-up preventivo com um cardiologista.

 


Da Redação
[email protected]

Imprimir