Cidadeverde.com
Política

Bolsonaro nomeia desembargadora Liana Chaib como nova ministra do TST

Imprimir

Foto: Benonias Cardoso 

Após ser aprovada em sabatina pelo Senado Federal, a juíza trabalhista Liana Chaib, do Tribunal Regional do Trabalho da 22ª Região foi nomeada para o cargo de ministra do Tribunal Superior do Trabalho (TST). A nomeação foi publicada no Diário Oficial da União da sexta-feira (26) e é assinada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL). 

“O presidente da República, no uso da atribuição que lhe conferem o art. 84, caput, inciso XIV, e o art. 111-A, caput, inciso II, da Constituição, resolve nomear Liana Chaib para exercer o cargo de ministra do Tribunal Superior do Trabalho”, diz a publicação.

Liana Chaib foi escolhida e nomeada para vaga em decorrência da aposentadoria do ministro Renato de Lacerda Paiva. A indicação foi aprovada por 60 votos a 2 (e duas abstenções). O relator foi o senador Marcelo Castro (MDB). 

A nova ministra nasceu em Teresina, no Piauí, em 1961. Ela é doutora em Direito Constitucional e desembargadora desde 2001. 

A juíza já foi desembargadora-presidente, desembargadora vice-presidente e corregedora do seu atual tribunal. Também no TRT, foi vice-diretora da Escola Judicial. 


Paula Sampaio
[email protected]

Imprimir