Cidadeverde.com
Esporte

Tite confirma saída da Seleção e explica pênaltis sem Neymar

Imprimir

Fotos: Lucas Figueiredo/CBF

O técnico Tite se explicou assim após a eliminação:

Neymar e o quinto pênalti: "Porque ele é o quinto e decisivo pênalti, fica com pressão maior e precisa do jogador de mais qualidade, mentalmente mais forte para fazer a ultima cobrança. É isso".
Por que foi ao vestiário no apito final? "Tu me viu comemorar quando vencemos? Não, não fiz. É um pouquinho do estilo, mas talvez eu tivesse tido que fazer isso hoje".

Brasil estava desorganizado no gol da Croácia? Fechamos a parte central, de onde geralmente saem os cruzamentos. Ela vem pra trás, finaliza, desvia e entra numa única finalização. Talvez seja essa a desorganização que tu tá se referindo. Numa única finalização da Croácia".

Fim de ciclo: "O ciclo, como eu já tinha colocado, acaba. Existem outros grandes profissionais e não sou um cara de duas palavras".

Caça às bruxas: "Não coloquem herói ou vilão no esporte, não tem. Perdi um titulo brasileiro nas mesmas circunstâncias".

A melhor versão?: "Na média geral, sim. Talvez faltasse efetividade maior, transformar em gol as jogadas criadas".

Curiosidade: Tite foi para o vestiário no apito final e não consolou os jogadores em campo.

Fonte:Folhapress (GABRIEL CARNEIRO, IGOR SIQUEIRA, DANILO LAVIERI E PEDRO LOPES)

Imprimir