Cidadeverde.com
Política

Rafael Fonteles e Themístocles Filho são diplomados governador e vice do Piauí

Imprimir
  • diplo2.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • diplo3.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • WhatsApp_Image_2022-12-16_at_19_48_29.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • WhatsApp_Image_2022-12-16_at_19_48_31.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • WhatsApp_Image_2022-12-16_at_19_48_32_(1).jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • WhatsApp_Image_2022-12-16_at_19_48_32.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • WhatsApp_Image_2022-12-16_at_19_48_34.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • WhatsApp_Image_2022-12-16_at_19_48_35.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • diplo5.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • diplo6.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep1.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep2.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep3.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep4.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep5.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep6.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep7.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep8.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep9.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep10.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep11.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep12.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep13.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep14.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep15.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep16.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep17.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dep18.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • dias.jpeg Renato Andrade/Cidadeverde.com

Atualizada às 20h30

O governador eleito, Rafael Fonteles (PT), e o vice Themístocles Filho (MDB), foram diplomados nesta sexta-feira (16) pelo Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI) . O mandato inicia em 1º de janeiro de 2023 e vai até 31 de dezembro de 2026. A cerimônia, comandada pelo presidente do TRE, Erivan Lopes, acontece no auditório do prédio antigo do Tribunal de Justiça do Piauí (TJPI). O senador eleito Wellington Dias (PT) também foi diplomado, além dos deputados federais, estaduais e suplentes.

O governador eleito foi pontual e chegou por volta das 19h ao TJ, horário marcado para solenidade de diplomação. Ele estava acompanhado da esposa Isabel Fonteles e dos três filhos: Teresa, Thomáz e Elisa. 

“É um momento de muita emoção para mim. As nossas contas foram aprovadas por unanimidade. Então, agora, a Justiça Eleitoral nos diploma para ter legitimidade perante o povo para assumir o Governo do Piauí. É um momento histórico para mim e para minha família, um momento de trabalhar com toda a energia que tenho para resolver os problemas do nosso povo”, declarou. 

Quem é Rafael?

É bacharel em Matemática pela Universidade Federal do Piauí (UFPI), curso concluído aos 19 anos. É Mestre em Economia Matemática pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA-RJ), concluído aos 21 anos. Premiado em Olimpíadas Internacionais de Química (2002), Física (2002) e Matemática (2004) na Holanda, Indonésia e Macedônia, respectivamente.

Foi professor de Matemática do Instituto Dom Barreto. Foi secretário estadual da Fazenda do Piauí de janeiro de 2015 a 31 de março de 2022, e coordenador do PRO-Piauí, o maior programa de investimentos do governo estadual, movimentando mais de R$ 4 bilhões.

Filho do ex-deputado federal Nazareno Fonteles, Rafael é casado com Isabel Fonteles e pai de três filhos: Teresa, Thomaz e Elisa.

Foto: Alysson Dinis

O petista teve 1.115.139 votos (57%) dos votos válidos contra 811 mil votos (41%) do candidato do União Brasil, Sílvio Mendes. Com a vitória de Rafael Fonteles, o Partido dos Trabalhadores mantém a hegemonia de 19 anos no poder.

Primeiras ações como governador

Rafael Fonteles adiantou que levará ao presidente eleito, a problemática do teto de 18% fixado para as alíquotas do ICMS. A medida sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) neste ano teve impacto direto no orçamento do estado. O impasse foi judicializado junto ao Supremo Tribunal Federal (STF).

“Houve um acordo parcial celebrado entre os governadores, a União e o Congresso, que resolve pouco mais de 10% do problema. Outra parte ficou para uma comissão. O fato é que o problema existe para os estados brasileiros e isso será abordado na primeira reunião com o presidente Lula. Ontem já estive com Alckmin externando a problematica. Sem dúvidas, será o primeiro ponto tratado na reunião”, explicou. 

Rafael Fonteles também saiu em defesa da reforma tributária no país: “o ministro Fernando Haddad nos ligou, pois está formando uma equipe comprometida com esse tema. Como eu sempre tenho dito, é a única reforma capaz de conciliar a responsabilidade fiscal, com competitividade e Justiça social”, acrescentou.

O vice-governador eleito Themistocles Filho (MDB) chegou logo após Rafael Fonteles e destacou a expectativa para a próxima gestão. “O Rafael será um bom governador para o Piauí”, disse. 

O senador eleito Wellington Dias (PT) pontuou que o rito da diplomação também é um momento para avaliar a dimensão da responsabilidade do cargo. O petista esteve ao longo dos últimos dias em Brasília e retornará no próximo domingo (18). Ele articula a aprovação da PEC da Transição na Câmara Federal. A medida assegura recursos para que Lula possa prosseguir com ações programadas para o governo, a exemplo da retomada do programa Bolsa Família. 

“Estou recebendo com bastante responsabilidade. Sei que tem o momento das comemorações, mas aí quando a gente põe a cabeça no travesseiro, vê o tamanho da responsabilidade. É a segunda vez que eu volto ao Senado pela vontade do povo do Piauí. Sei que ainda tem muita coisa pra gente avançar”, disse. 

O senador eleito evitou comentar acerca da possibilidade de assumir um ministério: “Vamos aguardar, a decisão é do presidente Lula”, respondeu ao ser questionado por jornalistas.

Questão superada

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PI), em entrevista, disse que qualquer questionamento quanto a seguridade das urnas é uma “questão superada”. 

“É uma questão já suplantada, ultrapassada. A Justiça Eleitoral mostrou que as urnas são confiáveis e o sistema eleitoral brasileiro é exemplo para o mundo inteiro”, disse. 

“Essas são questões, acredito que em pouco tempo, superadas e diluídas. É uma manifestação de insatisfação pelo resultado da eleição, mas que tem que ser aceito. Há quatro anos existe quem perdeu a eleição, quem perdeu agora também tem que aceitar”, disse sobre as manifestações de apoiadores de Bolsonaro, que questionam o resultado das urnas.

O procurador Marco Túlio Lustosa, do Ministro Público Eleitoral (MPF-PI), disse que as fake news -noticias falsas - já não têm o mesmo efeito que tiveram nas eleições de 2018. Segundo ele, é assegurado dizer que as campanhas que promoveram a divulgação de mentiras não influenciaram o resultado das urnas. 

“Enxergamos nessas eleições que essas notícias falsas não tiveram o mesmo efeito nocivo de outras eleições e não influenciaram no resultado do pleito eleitoral […] certamente o eleitor brasileiro está mais consciente é capaz de identificar uma notícia falsa”, disse.

A diplomação

A entrega dos diplomas acontece após o término do pleito, a apuração dos votos e o vencimento dos prazos de questionamento e de processamento do resultado da votação. Para receber o diploma, os candidatos eleitos precisam estar com o registro de candidatura deferido e as contas de campanha julgadas. O prazo limite para diplomação é 19 de dezembro.

Veja a lista completa dos diplomados:

Governador e Vice-Governador

  • Rafael Tajra Fonteles
  • Themístocles de Sampaio Pereira

Senador

  • José Wellington Barroso Dias
  • Antônia Jussara Gomes Alves Sousa Lima – 1ª Suplente
  • José Amauri Pereira de Araújo – 2º Suplente

Deputado Federal

  • Átila de Melo Lira
  • Flávio Rodrigues Nogueira
  • Florentino Alves Vera Neto
  • Francisco de Assis de Oliveira Costa
  • Jadyel Silva Alencar
  • José Dias de Castro Neto
  • Júlio César de Carvalho Lima
  • Júlio Ferraz Arcoverde
  • Marcos Aurélio Pádua Ribeiro Gonçalves de Sampaio
  • Rejane Ribeiro Sousa Dias

Suplentes

  • Fábio Abreu Costa – 1º Suplente
  • Margarete de Castro Coelho – 1ª Suplente
  • Merlong Solano Nogueira – 1ª Suplente
  • Elmano Férrer de Almeida – 2º Suplente
  • Tatiana Maria Melo Guimarães – 2ª Suplente
  • Wilson Nunes Martins – 2º Suplente
  • Antônio Francisco Félix de Andrade – 3º Suplente
  • Francisco Samuel Lima Silveira – 3º Suplente 

Deputado Estadual

  • Aldo Gil de Medeiros
  • Ana Paula Mendes de Araújo Santana
  • Antônio Henrique de Carvalho Pires
  • Bárbara Carvalho da Silveira Soares
  • Carlos Augusto Gomes de Souza
  • Evaldo Gomes da Silva
  • Fábio Henrique Mendonça Xavier de Oliveira
  • Fábio Nuñez Novo
  • Felipe de Souza Rezende Sampaio
  • Firmino Soares Paulo
  • Flávio Rodrigues Nogueira Júnior
  • Francisco das Chagas Limma
  • Francisco José Alves da Silva
  • Georgiano Fernandes Lima Neto
  • Gil Carlos Modesto Alves
  • Gustavo Sousa de Neiva
  • Hélio Isaías da Silva
  • Janaínna Pinto Marques Tavares
  • Jeová Barbosa de Carvalho Alencar
  • João Mádison Nogueira
  • José Hélio de Carvalho Oliveira
  • José Icemar Lavôr Néri
  • Marden Luís Brito Cavalcante e Meneses
  • Maria das Graças de Moraes Souza Nunes
  • Pablo Dantas de Moura Santos
  • Rubens de Sousa Vieira
  • Severo Maria Eulálio Neto
  • Thales Coelho Pimentel
  • Vinícius Pontes do Nascimento
  • Wilson Nunes Brandão 

Suplentes

  • Bessah Araújo Costa Reis Sá – 1º Suplente
  • Gessivaldo Isaías de Carvalho Silva – 1º Suplente
  • Paulo Cezar de Sousa Martins – 1º Suplente
  • Simone Pereira de Farias Araújo – 1º Suplente
  • Warton Matias Lacerda e Oliveira – 1º Suplente
  • Dogival Vidal dos Reis Neto – 2º Suplente
  • Evildo Monção da Silva – 2º Suplente
  • Jonas dos Santos Filho – 2º Suplente
  • Luiz Henrique Sousa de Carvalho – 2º Suplente
  • Miguel Borges de Oliveira Neto – 2º Suplente
  • Elisângela Maria dos Santos Moura – 3º Suplente
  • Marcos Vinícius Cunha Dias – 3º Suplente
  • Scheyvan Xavier Lima – 3º Suplente
  • Telmo Neves Dias – 3º Suplente
  • Tiago Mendes Vasconcelos – 3º Suplente

Paula Sampaio e Hérlon Moraes
[email protected]

Imprimir