Cidadeverde.com
Esporte

Zagueiro Léo se surpreende no Vasco: 'Ambiente é muito bom e as coisas vão fluir'

Imprimir

O Vasco não mediu esforços para tirar o zagueiro Léo do São Paulo. O defensor é uma grande aposta para ajustar o setor defensivo do clube. Aos 26 anos, ele volta a atuar no Rio, sua cidade natal, e chega empolgado à nova casa.

"Quando tive o primeiro contato com o Abel (Braga, coordenador do clube), não tive dúvidas de vir. Depois com o Barbieri (Maurício, treinador), vi que é um ser humano fantástico. 

O Abel, no momento em que mais precisei, sempre me ajudou, é uma figura de pai e outros atletas falam também sobre isso, então, me sinto à vontade aqui, ao lado de pessoas do bem", afirmou o zagueiro.

"No futebol, quando você vive em um ambiente legal, as coisas começam a fluir. Estou contente e já me sentindo em casa aqui."

O defensor já realizou os exames médicos no Vasco e vem aprimorando a forma física na academia do clube para iniciar os trabalhos no campo com os demais companheiros. Ele será o camisa 3 do time em 2023.

"Estou muito contente com essa oportunidade de chegar a um gigante do Rio de Janeiro. Voltar ao Rio para jogar no Vasco é um grande prazer", disse, orgulhoso - ele foi revelado no Fluminense. "Minha mulher, minha filha, a Laurinha que vai nascer, e já ver que o pai dela está jogando em um time como o Vasco, muito bom", afirmou. Léo não poupou elogios à torcida.

"Essa torcida é de outro mundo e fico muito feliz com essa oportunidade de jogar para ela. Jogar em São Januário é muito difícil, a torcida coloca o time para cima e agora estou do lado, correndo para ele", comemorou, agradecendo às tantas mensagens de carinho que vem recebendo.

"Quero agradecer o apoio e o carinho da torcida, estou muito contente e sei da importância e do tamanho de estar aqui. O Léo vai dar o máximo possível."

Léo e o atacante Pedro Raul, outro reforço para 2023, não participaram do jogo-treino desta sexta-feira, contra o Porto Real, no Centro de Treinamento Moacyr Barbosa.

Mesmo sem os contratados, o Vasco ganhou fácil: 6 a 0, gols de Figueiredo, Eguinaldo, Nenê. Zé Santos, Paulo Victor e Erick Marcus.

Fonte: Estadão Conteúdo

Tags: Vascofutebol
Imprimir