Cidadeverde.com
Vida Saudável

Boletim da Fiocruz destaca alta de casos de vírus respiratórios em crianças

Imprimir

 

Foto: Freepik

 

Um novo Boletim InfoGripe, divulgado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) nessa semana, alerta para os casos de Vírus Sincicial Respiratório que pode causar Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em crianças.

Segundo o informativo, nas últimas quatro semanas epidemiológicas, o vírus respondeu por 59% dos casos de SRAG com resultado laboratorial positivo em crianças de 0 a 4 anos de idade.

De acordo com a Fiocruz, a Covid-19, no entanto, segue predominando entre os casos da síndrome. Nesse sentido, o Ministério da Saúde reforça a importância de os pais levarem as crianças para receber a vacina contra o coronavírus.

Os sintomas mais frequentes da doença podem incluir desde sinais leves, como tosse persistente e febre persistente diária, até sinais de piora progressiva de outro sintoma relacionado à Covid-19 (adinamia, prostração, hiporexia, diarreia), além da presença de pneumonia sem sinais ou com sintomas mais graves.

O Governo Federal concluiu a distribuição de 740 mil doses da Coronavac a todos os estados e o Distrito Federal. As vacinas são destinadas à imunização das crianças de 3 a 11 anos contra a Covid-19. É fundamental vacinar as crianças para evitar casos graves e mortes por causa da doença nesse público.

 

Fonte: Ministério da Saúde

Imprimir