Cidadeverde.com
Geral

Visto para os Estados Unidos tem espera de quase 500 dias

Imprimir

Foto: Arquivo/Cidadeverde.com 

O tempo de espera para uma entrevista do visto de turismo e negócios para os Estados Unidos no posto consular de São Paulo é de 484 dias e não há previsão de que a fila seja reduzida em curto prazo. Segundo o Consulado Geral dos Estados Unidos em São Paulo, a demora se deve ao represamento de pedidos que ocorreu durante a pandemia da covid-19.

"O sistema é bem dinâmico, mudando todos os dias. O tempo médio de espera para primeira entrevista de visto de turismo e negócios está em torno de 484 dias, mas temos outras categorias de vistos de estudantes, de intercâmbios e de trabalhadores temporários, em que o tempo de espera hoje é inferior a três dias em São Paulo", afirmou Natália Molano, porta-voz do Consulado Geral dos Estados Unidos em São Paulo, em entrevista à Rádio Eldorado nesta quinta-feira, 19.

Nesta semana, o tempo de espera chegou a passar de 500 dias, um recorde desde novembro de 2021. Segundo Natália, os consulados estão contratando e treinando funcionários adicionais, mas não é possível dar previsão para que esse tempo de espera seja reduzido. "É um trabalho que deve ser feito apenas por trabalhadores consulares, o que requer um pouco mais de tempo. Uma operação feita apenas por humanos e não por máquinas", diz.

No Brasil, as embaixadas e os consulados dos Estados Unidos estão em 2º lugar entre os países que mais receberam solicitações de vistos em 2022. De acordo com ela, há impacto da demanda reprimida em razão do fechamento durante a pandemia da covid-19.

"Em novembro de 2021, voltamos ao processamento regular de visto, o que permaneceu por quase um ano, em torno de 365 dias, embora flutuasse bastante este período. Em razão da pandemia, a gente ficou fechado por quase um ano e meio. Essa demanda reprimida realmente impactou e também temos muitos vistos que foram feitos há dez anos e agora as pessoas voltaram para renovar. Isso também afetou o tempo de espera", afirma Natália.

Para melhorar o atendimento, uma ferramenta digital permite que as pessoas verifiquem como está o tempo de espera em outras regiões do Brasil. "Se a pessoa é de São Paulo e precisa de agendamento, ela pode fazer esse agendamento de entrevista em Brasília, no Recife, em Porto Alegre ou no Rio de Janeiro. As pessoas podem se organizar desta maneira", acrescenta. Nas cidades citadas, o tempo de espera hoje está variando entre 300 e 400 dias.

Confira aqui algumas orientações:

- Verificar o período de espera em outros consulados, como Rio de Janeiro, Recife e Porto Alegre.

- Monitorar a inclusão de novos horários no sistema de agendamentos, já que há muitos cancelamentos de última hora e o reagendamento não tem custo.

- Solicitações de emergência são feitas por um sistema diferente

- Para evitar filas longas, também é recomendado renovar o visto em até quatro anos, o que elimina a necessidade de fazer nova entrevista.

Além disso, segundo Natália Molano, os consulados adicionam regularmente novos horários para agendamentos, pois muitas pessoas cancelam e, desta forma, essas vagas ficam à disposição no sistema.

Com relação aos pedidos de vistos que não exigem entrevistas, o tempo de espera hoje é de três dias. "No caso de renovações dentro do prazo de quatro anos, os requisitos são diferentes e o solicitante pode renovar o visto, sem a necessidade de entrevista. A fila de espera é apenas para deixar a documentação no consulado. Após isso, a pessoa entra para a fila de nova renovação", diz Natália.

No caso de solicitações de emergência, o pedido também é realizado por um processo diferente. "As pessoas podem solicitar o agendamento da entrevista. Temos, então, um processo para solicitar este agendamento e as instruções estão todas no site", afirma ela.

Atualmente, o valor para solicitar o visto americano é de US$ 160 (cerca de R$ 835).

 

Fonte: Estadão Conteúdo 

Imprimir