Cidadeverde.com

EP coletivo “50+” celebra o feminino e contesta o etarismo; Patrícia Mellodi fala sobre o projeto

Fotos:  Otto Vay

 

Músicas que celebram a vida, a dualidade consciente com versos de “sou bruxa, sou águia e liberdade é minha premissa”, elas soltam um libertador "foda-se” e zombam da urgente necessidade de dizer “nãos”. Essas são algumas provocações de cinco consagradas artistas que compartilham suas histórias e acabam de lançar o EP “50+”.  Ana Costa, Andréa Dutra, Crikka Amorim, Germana Guilhermme e Patricia Mellodi divulgam o novo trabalho coletivo, uma ode a força do feminino e a luta da mulher contra o etarismo.

"O '50+' é mais do que um coletivo musical, é um movimento que celebra a força e a resiliência das mulheres maduras na música”, conta Germana Guilhermme. Ao que Crikka Amorim completa: "Produzir este EP foi uma jornada de amor e inspiração. Cada uma de nós trouxe sua energia única para este projeto, e o resultado final é uma celebração da vida e da música”.

Lançado no Dia Internacional da Mulher, o trabalho mostra uma variedade de ritmos e sons da música brasileira. Indo do samba ao pop, da bossa ao forró, são seis faixas que mostram facetas diferentes das mulheres brasileiras. Cada artista tem uma faixa individual e ainda surpreendem com participação especial da ícone Áurea Martins em “Linha do Tempo”, faixa que reúne todas as artistas e que ganha um lyric video.

O EP tem sua base no fato que elas não apenas admiram o trabalho umas das outras, mas também frequentam os eventos e colaboram em projetos musicais há anos. A seleção cuidadosa das integrantes do coletivo foi realizada por Crikka Amorim e Patricia Mellodi, que atuaram como produtoras musicais e executivas.

Andréa Dutra reflete: "Depois de anos trabalhando solo, encontrar parceiras como as do '50+' é uma bênção. Este EP é um testemunho da força e da diversidade das mulheres na música brasileira”. Já Ana Costa se emociona de fazer parte: “Somos uma força unida, prontas para mostrar ao mundo que a idade não define nosso potencial criativo”.

Este é um lançamento da Peneira Musical, que levanta a bandeira da luta contra o etarismo na música e que atua no mercado como um selo, produtora e editora que tem o propósito de impulsionar também a arte de pessoas LGBTQIAP+, pretas e periféricas em geral, apoiando, capacitando e tornando suas carreiras sustentáveis.

"Este EP é um grito de celebração da vida e da arte, mostrando que as mulheres 50+ têm muito a oferecer ao mundo da música. Estou honrada em fazer parte deste coletivo incrível”, disse Patricia Mellodi:

 

As músicas estão disponíveis em todas as plataformas digitais como spotify, Youtube, Deezer. 

 

Ficha Técnica:

Canto de Tocar (Crikka Amorim / Titina Pereira / Patricia Mellodi / Ana Costa / Andréa Dutra

/ Manu Marinho)
Voz - Crikka Amorim
Violão - Crikka Amorim
Guitarra - Crikka Amorim
Guitarra - Nito Lima
Teclados - Crikka Amorim
Baixo - Crikka Amorim
Cajon - Alcione Ziolkowski
Programação Bateria e Percussão - Crikka Amorim
Arranjo - Crikka Amorim

O Amor é Foda (Patricia Mellodi)

Voz - Patricia Mellodi
Violão Nylon - Patricia Mellodi
Violão Aço - Crikka Amorim
Teclados - Crikka Amorim
Baixo - Zé Luiz Maia
Bateria - Élcio Cáfaro
Programação Bateria e Percussão - Crikka Amorim
Arranjo - Crikka Amorim

Mulher Rei (Ana Costa / Patricia Mellodi)

Voz - Ana Costa
Violão Nylon - Ana Costa
Violão Aço - Crikka Amorim
Teclados - Crikka Amorim
Efeitos e Loops - Ana Costa
Baixo Pad - Ana Costa
Baixo Levada - Crikka Amorim

Programação Bateria e Percussão - Ana Costa
Programação Levadas e Percussão - Crikka Amorim
Arranjo - Crikka Amorim e Ana Costa

Sarau em Copacabana (Andréa Dutra)

Voz - Andréa Dutra
Violão e Cavaquinho - Manu Marinho
Baixo - Zé Luiz Maia
Guitarra - Fernando Caneca
Percussão - Rodrigo Jesus
Percussão e Efeitos - Crikka Amorim
Arranjo - Crikka Amorim e Andréa Dutra

Samba do Bem (Germana Guilhermme)

Voz - Germana Guilhermme
Violão - Germana Guilhermme
Guitarra - Crikka Amorim
Cavaquinho - Crikka Amorim
Baixo - Crikka Amorim
Pandeiro - Rodrigo Jesus
Programação de Bateria e Percussão - Crikka Amorim
Arranjo - Crikka Amorim

Linha do Tempo (Andréa Dutra / Patricia Mellodi)

Vozes - Andréa Dutra / Crikka Amorim / Ana Costa / Patricia Mellodi / Germana
Guilhermme)
Guitarra - Crikka Amorim
Guitarra - Nito Lima
Acordeon - Thaís Andrade
Baixo - Ana Costa
Percussão - Julia Vargas
Percussão Loops - Crikka Amorim
Participação Especial - Áurea Martins
Arranjo - Crikka Amorim

Você pode receber direto no seu WhatsApp as principais notícias do CidadeVerde.com
Siga nas redes sociais