Cidadeverde.com

Evento do G20 em Teresina vai discutir importância da agricultura familiar no combate à fome

Imprimir

Um dos temas que serão discutidos na reunião temática do G20, que vai acontecer entre os dias 22 e 24 de maio de 2024 em Teresina, é o papel da agricultura familiar no combate à fome. O Piauí pretende apresentar o modelo do Programa de Alimentação Saudável (PAS), que é executado pelo Governo do Estado por meio da Secretaria da Agricultura Familiar (SAF) e compra alimentos da agricultura familiar e distribui para famílias em situação de vulnerabilidade social, nos mesmos moldes de um programa do Governo Federal, o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

A secretária da Agricultura Familiar do Piauí, Rejane Tavares, disse em entrevista à TV Cidade Verde que é preciso falar em fortalecer a pequena e média produção para se alcançar efetivas soluções no enfrentamento à fome.

"Para combater a fome, a gente precisa fortalecer a agricultura familiar, porque o agricultor familiar é quem produz comida no Brasil, é o responsável por mais de 60% da produção de alimentos, vem de agricultores pequenos e médios, assentamentos, comunidades", disse.

Em 2023, o PAS impactou positivamente a vida de 1.414 agricultores, beneficiou 142 instituições que receberam os alimentos e atendeu a 59.249 famílias em situação de vulnerabilidade social. Esse estímulo resultou na produção de 580.242 kg de alimentos, gerando uma movimentação financeira de R$ 5.209.303,57 para a cadeia produtiva da agricultura familiar do estado.

A secretária Rejane Tavares cita algumas ações que a SAF tem promovido para fortalecer a agricultura familiar do Piauí. "São ações que envolvem assistência técnica, (...) que viabiliza crédito para a produção, é orientação de como produzir, acesso à tecnologia e aos insumos necessários, como semente de qualidade. A Secretaria tem atuado muito na distribuição de sementes crioulas, que são sementes tradicionais, adaptadas ao nosso clima, produzidas pela agricultura familiar, então nós também compramos sementes da AF e fazemos a distribuição para outros que não tem acesso a essas sementes", explicou.

Foto: Roberto Araujo / Cidadeverde.com

Reunião do G20 

Entre 22 e 24 de maio, a 3ª reunião da Força-Tarefa para construção da Aliança Global contra a Fome e a Pobreza reúne mais de 50 delegações internacionais no Centro de Convenções de Teresina para acertar os termos finais da Aliança Global. 

Antes, no dia 20, uma reunião da Câmara Interministerial de Segurança Alimentar e Nutricional (Caisan) será aberta ao público e o encontro abordará propostas que devem ser levadas ao G20.

No dia 22, após participarem da abertura da reunião, o ministro Wellington Dias terá encontro com a imprensa para tratar das expectativas do evento. Já no dia 24, ao fim da reunião, o titular do MDS e a equipe técnica da Força Tarefa concedem novamente coletiva de imprensa para fazer um balanço dos debates. 

Em seguida, ainda no dia 24, as delegações do G20 poderão conhecer, in loco, como os programas de combate à fome funcionam no estado por meio de duas visitas de campo. A primeira será na horta comunitária do povoado Ave Verde, onde técnicos terão a oportunidade de ver, na prática, como funcionam os programas de combate à fome e como é incentivada a produção da agricultura familiar no entorno de Teresina. Em seguida, os participantes irão à Quitanda da Agricultura Familiar, no Espaço Rosa dos Ventos, da Universidade Federal do Piauí (UFPI), onde os produtores podem comercializar seus alimentos, cultivados localmente, para o consumidor. As visitas de campo podem ser acompanhadas pelas equipes de imprensa.

Você pode receber direto no seu WhatsApp as principais notícias do CidadeVerde.com
Siga nas redes sociais