Cidadeverde.com

Demanda por procedimentos estéticos aumenta 82% entre os homens brasileiros

Imprimir

Foto: Freepik

A população masculina cada vez mais tem se preocupado com diversas questões relacionadas ao bem-estar, à prevenção e ao diagnóstico precoce de doenças. Dentro dessa perspectiva vale ressaltar o crescimento do número de homens, de todas as idades e classes sociais, que se submetem à cirurgia plástica por razões estéticas.

Uma pesquisa realizada em 2023 pela empresa farmacêutica americana Allergan, em parceria com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e de Dermatologia, revelou que 82,5% dos homens no país desejam realizar algum tipo de procedimento estético.

E cada vez mais preocupados em cuidar da saúde e da beleza do corpo, os homens da atualidade estão investindo nos tratamentos minimamente invasivos e também nas cirurgias estéticas. Prova disso é que entre 2009 até o momento, a quantidade de cirurgias plásticas realizadas no público masculino quadruplicou no Brasil.

Um dos procedimentos mais procurados, é a abdominoplastia masculina, um aliado na busca por um abdômen mais firme e definido. A cirurgia retira o excesso de gordura e de pele indesejada do abdome. Nos últimos cinco anos, a procura por esses procedimentos por parte do público masculino aumentou substancialmente, passando de 5% para 30%, representando um aumento de 72 mil para 276 mil intervenções anualmente.

Para o especialista em cirurgia plástica masculina, Flávius Cabral, esse dado reflete uma mudança significativa na percepção dos homens em relação à cirurgia plástica.

“O crescimento na busca de cirurgias plásticas pelo público masculino acontece devido a alguns fatores como a maior preocupação com o bem estar, sendo a cirurgia também um meio de maior satisfação pessoal, nota ainda que alguns homens valorizam cada vez mais a sua aparência e imagem pessoal como um meio de aumentar sua confiança e se destacar também nos negócios, trabalhando confiança e poder de convencimento”, destaca.

O especialista explica que as cirurgias plásticas mais buscadas variam de acordo com a faixa etária, sendo mais comum nos homens de 30 e 40 anos a correção de ginecomastia, a Lipoaspiração de Definição, além da Abdominoplastia, que é uma das cirurgias principais nos pacientes ex-obesos. Já nos pacientes com mais de 50 anos se destaca, a blefaroplastia, cirurgia de pálpebras, que contribui com o rejuvenescimento da face. 

“A cirurgia plástica em homens está se desenvolvendo cada vez mais, possuindo técnicas exclusivas e voltadas para este público como os enxertos musculares que valorizam uma aparência mais atlética e viril sem estigmas de artificialidade, trabalhando uma aparência forte com naturalidade”, comenta. 

Outro procedimento que vem ganhando destaque é a Lipo UGraft (single em inglês de Ultrasound-guided Rectus Abdominis Fat Transfer). A técnica, que é indicada para homens e mulheres, faz uso do ultrassom para injetar gordura dentro do músculo abdominal, tornando-o mais torneado e definido. O método é menos invasivo e tem recuperação mais rápida do que outros procedimentos como a lipoaspiração tradicional, por exemplo.

Flavius Cabral, é o primeiro especialista de Fortaleza oficialmente registrado pelo criador da técnica de Lipo Ugraft , Dr. Maurício Viaro. De acordo com o médico, a nova técnica é especialmente eficaz para esculpir abdômen, flancos, peitoral, costas, braços e coxas, criando uma aparência mais definida e musculosa, principalmente nas regiões em que é difícil conseguir o volume muscular apenas com atividade física.

Ainda de acordo com Flávius Cabral, os jovens também são adeptos às cirurgias plásticas como estratégia para adiar o envelhecimento, reduzindo as marcas do tempo.

Cirurgias plásticas mais comuns em homens:

  • Lipoaspiração de Definição
  • Abdominoplastia
  • Ginecomastia
  • Blefaroplastia
  • Rinoplastia
  • Implantes capilares

 

Da Redação

Você pode receber direto no seu WhatsApp as principais notícias do CidadeVerde.com
Siga nas redes sociais