Cidadeverde.com
Política

Governador declara que é contra cotas para negros e índios em evento

Imprimir

O governador Wellington Dias (PT) admitiu, publicamente, durante o anúncio do resultado do vestibular 2009, na manhã de hoje, que é contra a política de cotas para negro, índios e alunos de escolas públicas.


“Criar cotas para negros, índios, alunos do ensino público sustenta a minha tese de que isso esconde o lado grave do problema. Isso mostra a incapacidade do poder público. Sou contra isso. É preciso melhorar o sistema e qualificar os professores”, declarou o governador.


CONFIRA A LISTA DOS APROVADOS



A declaração do governador surpreendeu já que o PT e os movimentos sociais historicamente defendem a política de cotas nas universidades.

Escolas públicas

O governador comemorou o índice de aprovação dos alunos de escolas públicas que chegou a 64% no vestibular da Uespi e disse que os cinco primeiros colocados são de colégios públicos.


Wellington Dias destacou ainda a parceria com o MEC para o ensino a distância e destacou o ensino superior. “Nos anos de 2003 a 2008 dobramos o acesso de pessoas ao ensino superior”, garantiu o governador.

Veja mais:

Estudante chora e grita de alegria ao saber da aprovação; Veja o vídeo
Judoca Marília Ramos é aprovada no quarto Vestibular para Direito
Vestibular: Primeiros colocados se emocionam e esperam Uespi melhor
UESPI: 28 alunos são os 1º no Vestibular; confira resultado
64% dos aprovados no vestibular da Uespi são de escola pública; Veja




Flash Yala Sena
[email protected]

Imprimir