Cidadeverde.com

"Gêmeo do crime" tem falência múltipla dos órgãos e morre no hospital

Foto mostra Alex e o irmão gêmeo em um vídeo gravado dentro do presídio no ano passado

O suspeito identificado como Alen dos Santos Nunes não resistiu aos ferimentos de bala e morreu após dois dias internado no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (Heda), em Parnaíba, litoral do Piauí. Ele era conhecido como um dos "gêmeos do crime" e, de acordo com a Polícia Civil, era considerado de alta periculosidade. 

Alex foi baleado ao reagir a investida de policiais que tentavam cumprir mandado de prisão e busca apreensão. Na troca de tiros, o suposto comparsa dele foi baleado e morreu no local. 

O gêmeo foi atingido com dois tiros no abdômen e um no antebraço direito e veio a óbito às 19h05 deste domingo (25) em decorrência de falência múltipla dos órgãos. 

Alex tinha uma extensa ficha criminal e estava foragido do sistema prisional do Piauí desde fevereiro de 2017. O irmão gêmeo, Alan dos Santos Nunes, permanece preso. 

 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com