Cidadeverde.com

Saúde isola familiares e equipe que atendeu paciente com suspeita da variante Delta

Foto: Roberta Aline

A Secretaria de Saúde de São João do Piauí, a 460 km de Teresina, informou nesta quinta-feira (19) que está monitorando pessoas que tiveram contato com o paciente diagnosticado com covid-19 que é considerado caso suspeito de contaminação pela variante Delta. A esposa e profissionais de saúde, que atenderam o homem de 69 anos, estão sendo acompanhados e isolados.

Positivada com covid-19, a mulher do paciente apresenta sintomas leves da doença, mas deve manter-se em isolamento, ficando em casa por mais dez dias. 

Já os profissionais de saúde serão testados para a covid-19 nesta sexta-feira (20). “A equipe do Centro Covid-19 vai realizar os exames dos profissionais de saúde, que tiveram contato com o paciente, apesar de todos, no contato, estarem com vestimentas adequadas, paramentados com EPI”, explicou a secretária municipal de Saúde, Ynaiara Coelho.

A secretária reforça a importância de serem mantidos os cuidados preventivos e da vacinação.. “Toda quarta é dia de vacinar e já estamos na faixa etária de 28 anos ou mais de idade. Se ainda não vacinou, se programe para a próxima quarta”, disse.

A secretaria de Saúde de São João do Piauí informou ainda que mantém contato permanente com a Gerência Estadual de Epidemiologia e com o Laboratório Central do Estado (LACEN), que  colheu material do paciente e encaminhou à Fiocruz para ser feito o sequenciamento genético.  Não há data prevista para o resultado, já que a amostra é investigada em outro estado.

Atualmente, o paciente, um homem de 69 anos, de iniciais J.G.A, está internado em um hospital privado na zona norte de Teresina e tem quadro de saúde considerado estável. 

O caso

A Sesapi informou que o paciente, natural de São João do Piauí, já está imunizado com duas doses da vacina Coronavac e apresentou sintomas da Covid-19 depois de participar de um curso em Ribeirão Preto (SP) onde a variante circula. 

Segundo a Sesapi, no último dia 7 de agosto o paciente retornou para o município de São João do Piauí e dia 9 começou a apresentar sintomas como obstrução nasal, dores no corpo e cefaleia. Foi feito exame de orofaringe com resultado positivo para Covid, sendo medicado por profissionais do município.

Ainda de acordo com a Sesapi, no dia 11 de agosto o paciente apresentou tosse e deficiência respiratória, sendo encaminhado ao município de São Raimundo Nonato para fazer uma tomografia, onde o resultado apontou 25% de comprometimento pulmonar. Dia 15 de agosto ele foi encaminhado a Teresina, ainda com quadro de falta de ar, sendo internado no hospital da Unimed. 

No próprio hospital foi feita a coleta do material para PCR e encaminhado ao Lacen. A amostra foi enviada à Fiocruz para sequenciamento, como medida de segurança.


Natanael Souza (Com informações da Ascom)
[email protected]