Cidadeverde.com

Covid-19: Prefeito de Floriano diz que a vida deve estar em primeiro lugar

Nas últimas semanas, a Prefeitura de Floriano tem realizado diversas ações no enfrentamento ao Covid-19 no município. As principais estão relacionadas a medidas de isolamento social pelos florianenses e até suspensão das atividades comerciais para evitar a circulação do vírus. 

"A vida está em primeiro lugar. Não vai ter emprego, não vamos ter comércio movimentado, não vamos ter futuro sem vida. E neste momento, eu como gestor, não posso pecar por omissão. Devemos ter a consciência tranquila de que fizemos tudo que estava ao nosso alcance e não tenho dúvida que vamos superar todas as adversidades", comentou Joel Rodrigues. 

Como parte dessas iniciativas, o prefeito de Floriano, Joel Rodrigues, também promoveu na tarde desta segunda-feira, 06, um bate-papo em suas redes sociais e retransmitido pelas contas da Prefeitura de Floriano sobre as medidas que foram tomadas até agora e a perspectiva e impacto de setores como o comércio nas próximas semanas. 

"Onde tem esse letreiro sobre quem vai morrer? Esse isolamento precisa ser um compromisso de cada um. Todos vamos sofrer. Vai ser difícil? É claro que vai! Mas nós, florianenses estão de mãos dadas para seguirem firmes nesta importante missão", explica Joel Rodrigues. 

Os médicos do município Isadora Lira e Vinicius Coelho, além do secretário de Saúde, James Rodrigues participaram do bate-papo. Para os especialistas, o isolamento social, neste momento, é a melhor opção para que a cidade de Floriano sofra com menor intensidade os impactos da circulação do vírus no país. "Montamos uma força tarefa para atender e triar os casos de síndromes gripais que vão aparecer ocasionalmente neste período, mas que não podemos deixar de acompanhar", disse a médica Isadora Lira. 

Para Vinicius Coelho, infectologista, as medidas tomadas pelo município de Floriano estão de acordo com as orientações da Organização Mundial da Saúde e outros órgãos internacionais de saúde. "O isolamento é a medida que tem dado melhor resultado em diversos países", relata.

 

Da Redação

redaçã[email protected]