Cidadeverde.com

Secretaria de Saúde de Floriano organiza retomada de atividades

Uma comissão foi formada para implantar este processo e a primeira etapa consiste em integrar, informar e capacitar as equipes das UBS. A primeira reunião aconteceu na manhã desta terça-feira, 28, na Unidade Básica de Saúde Alfredo de Carvalho, na área externa do posto, levando em conta o protocolo de distanciamento. 

A Secretaria de Saúde de Floriano já se programa para retornar às atividades de maneira gradual em meio à pandemia de Covid-19. A pasta já se organiza para iniciar o atendimento de médico de especialistas de maneira agendada nas dezesseis Unidades Básicas de Saúde espalhadas na zona urbana da cidade. 

O sistema escolhido é conhecido como "bloco de horas". Esse formato já é utilizado em sete das dezesseis UBSs da zona urbana de Floriano através do PlanificaSUS, um projeto proposto pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e que tem parceria com o Hospital Israelita Albert Einstein e o Ministério da Saúde (MS), por meio do ProadiSUS.

Neste formato de “bloco de horas”, as pessoas usuárias são agendadas para um ponto específico de tempo determinado pela oferta dos profissionais, em geral, por atendimentos a cada 15 minutos (consultas médicas às 7,00 hs, às 7,15 horas, às 7,30 horas e assim sucessivamente).

Ou seja, em ritmo médio de atendimento, pelo menos 4 pessoas serão atendidas a cada 60 minutos. Isso não significa afirmar que cada pessoa será atendida em 15 minutos, mas que o somatório dos 4 atendimentos é igual a 60 minutos.

A ideia é descentralizar a demanda e fazer uma rotatividade das especialidades médicas oferecidas pelo município para que cheguem a todas as zonas da cidade. "Essa é a primeira etapa do retorno gradual e organizado que a Secretaria de Saúde está fazendo. Assim que este serviço for implementado e dadas as devidas proporções, vamos dar continuidade até retornamos ao fluxo normal", disse James Rodrigues, Secretário de Saúde de Floriano.

 

Da Redação

redaçã[email protected]