Cidadeverde.com

Inaugurações em Floriano terão presença do Ministro do Desenvolvimento Regional

Foto: Prefeitura de Floriano

Nesta sexta-feira, 24 de julho, o município de Floriano receberá a visita do ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho e do senador Ciro Nogueira, para inauguração de importantes obras no município.

As autoridades participarão, na companhia do prefeito Joel Rodrigues, de solenidade simbólica para entrega de 499 casas do Residencial Alto da Cruz, bem como a primeira etapa das obras do esgotamento sanitário e da Avenida Fauzer Bucar.

Residencial Alto da Cruz

A retomada das obras do Programa Minha Casa Minha Vida foi anunciada em janeiro de 2018 durante visita do então ministro das Cidades Alexandre Baldy a Floriano, acompanhado do diretor de Habitação da Caixa Econômica Federal Guilherme Correia, dos senadores da República Ciro Nogueira e Elmano Férrer, além da vice-governadora Margareth Coêlho e do deputado federal Mainha. 

Em Floriano, o ministro realizou a assinatura do contrato de repasse na ordem de R$ 4 943 600,00, que somados à contrapartida do município totalizam R$ 5 milhões, para pavimentação asfáltica de Floriano e autorizou a retomada da construção das 499 casas do Residencial Alto Da Cruz, no bairro Riacho Fundo com recursos na ordem de R$ 29 milhões garantidos através da Caixa Econômica Federal.

A expectativa para entrega do residencial teve início ainda em dezembro de 2019, quando foi realizado o sorteio dos beneficiados pelo Programa Minha Casa Minha Vida, através da Caixa Econômica em parceria com a Prefeitura de Floriano. Dentre as quase 2 mil inscrições, 499 famílias foram beneficiadas.

Em junho deste ano, a Prefeitura de Floriano por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura deu início aos serviços de instalação da rede de iluminação pública no residencial Alto da Cruz. Os trabalhos foram realizados após a implantação da rede de energia elétrica pela Equatorial que se encontrava pendente.

Logo em seguida, a Prefeitura de Floriano, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Assistência Social, divulgou a lista dos beneficiários excluídos do Programa Minha Casa Minha Vida, como também dos beneficiários que assinaram termo de desistência. Segundo o Conselho Municipal de Habitação do Município de Floriano um total de 38 pessoas foram excluídas e 4 assinaram o termo de desistência.

Aqueles que possuiram cadastros com inconsistências de informações relacionadas à falta de documentos necessários para comprovar o atendimento dos critérios do programa e que passaram por investigação do Município e do Conselho Municipal de Habitação tiveram prazo para apresentação de recursos e estão sendo avaliados em procedimento administrativo próprio e os que se encontram em situação regular partem para assinatura dos contratos.

Ainda no mês de julho, a Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social convocou os beneficiários para a etapa de vistorias nas moradias para construção de um relatório sobre a qualidade da obra atestada pelos próprios beneficiários. Os futuros moradores puderam conferir todos os itens listados no memorial descrito do imóvel, como: portas, janelas, teto, piso, instalações hidráulicas e elétricas, entre outros. Todos os futuros proprietários passaram pelo processo de vistoria que foi realizado por etapas de acordo as iniciais de cada beneficiado.

Esgotamento Sanitário

A obra de esgotamento sanitário de Floriano foi conquistada através da união de forças políticas e diante da atuação massiva do prefeito Joel Rodrigues pela busca de recursos em Brasília. Em abril de 2019, após uma audiência, articulada e acompanhada pessoalmente por Joel Rodrigues e pelos senadores Ciro Nogueira e Marcelo Castro e pela deputada federal, Margarete Coelho, com o então ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, foi confirmada a aprovação do aditivo, que garantiu a liberação da 8ª parcela de recursos, para colocar em funcionamento os mais de 60km de rede concluídos, para o tratamento de 60% do esgoto produzido em Floriano.

A Construtora Jurema entregou no mês de julho de 2020, a conclusão da primeira etapa das obras de esgotamento sanitário que inclui 62km de rede, emissário, 4 lagoas de tratamento, duas elevatórias ao mesmo tempo que deu início às obras da segunda etapa. Este é o resultado de um trabalho de integração e articulação, através de senadores e toda a bancada piauiense, junto ao Governo Federal.

Floriano já conta com 40% de instalação domiciliares, boa parte dessa etapa na zona central da cidade. Ainda no mês de julho, foram finalizadas as interligações e instalações domiciliares de bombas e transformadores. 

Urbanização da Avenida Fauzer Bucar

A obra foi executada através da CODEVASF - Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba em parceria com a Prefeitura de Floriano. O projeto de readequação e urbanização da via contempla a implantação do sistema de drenagem e a urbanização da galeria Fauzer Bucar, incluindo asfaltamento e iluminação, transformando a Fauzer Bucar em uma avenida duplicada que vai do encontro a Rua Manoel Camarço até a Rua Fernando Marques, nas proximidades da Frei Antônio Cúrcio,  Beira-Rio, melhorando significativamente o acesso e o aspecto urbanístico do bairro São Cristóvão e região central da cidade, e eliminando os problemas de saúde pública dos moradores. A extensão da avenida conta com duas pistas de rolamento, asfaltadas, canteiro central e iluminação.

Da Redação
[email protected]