Cidadeverde.com

Município de Floriano registra 12 casos de dengue em cinco meses

O prefeito Joel Rodrigues lançou na manhã desta segunda-feira (14), a Campanha “Covid mata e Dengue também”, ação desenvolvida pelas Secretarias de Saúde e Infraestrutura dentro do Projeto Floriano Limpa com as equipes de limpeza pública que já estão atuando com várias frentes de trabalho distribuídas por vários bairros da cidade e os agentes de endemias.

Segundo Brunna Carvalho, Coordenadora de Vigilância em Saúde, o objetivo campanha é conscientizar a população de que ações simples fazem toda a diferença no combate ao mosquito Aedes aegypti. “Outra ação que vamos desenvolver é o retorno carro fumacê. Mesmo com a recomendação do ministério da saúde que para a utilização desse tipo de combate precisaria de um número mais elevado de caso, nós resolvemos prevenir nossa população antes”, disse.

Transmissão 
O mosquito que transmite a Dengue, Zika e Chikungunya também é o principal responsável pela transmissão da febre amarela, por isso, é importante combatê-lo, evitando o acúmulo de água parada em recipientes como copos, pneus, tampinhas de garrafa ou vasos de plantas. Saiba mais sobre a transmissão da dengue.

Como combater o Aedes aegypti
Para combater o mosquito da dengue é importante evitar a existência de locais ou objetos, como tampas, pneus, vasos ou garrafas, que possam acumular água parada, facilitando o desenvolvimento do mosquito. Por isso é aconselhado:

- Manter a caixa de água fechada com a tampa;
- Limpar as calhas, removendo as folhas, galhos e outros objetos que possam impedir a passagem da água;
- Não deixar acumular água da chuva sobre a laje;
- Lavar semanalmente tanques utilizados para armazenar água com escova e sabão;
- Manter os tonéis e barris de água bem tampados;
- Encher os pratinhos dos vasos com areia;
- Lavar 1 vez por semana os vasos com plantas aquáticas, usando escova e sabão;
- Guardar as garrafas vazias de cabeça para baixo;
- Entregar os pneus velhos no serviço de limpeza urbana ou guardá-los sem água e abrigados da chuva;
- Colocar o lixo em sacos fechados e fechar bem a lixeira.

Número de casos

Segundo dados da Direção de Epidemiologia, de janeiro a junho deste ano já foram notificados mais de 14 casos suspeitos de dengue no município e 12 casos confirmados. O Secretário de Saúde de Floriano, James Rodrigues, solicitou que fosse formada uma força tarefa para o combate ao mosquito Aedes aegypti, responsável pela Dengue, Zika e Chikungunya. “Toda a equipe de agentes de endemias está imunizada contra a Covid-19 e agora temos um novo momento da pandemia. Não podemos baixar a guarda para o mosquito enquanto temos uma pandemia em curso”, disse.

Da Redação
[email protected]