Cidadeverde.com

Réu é condenado a 22 anos de prisão por feminicídio triplamente qualificado

O Tribunal do Júri condenou o réu José Roberto Barbosa Soares a 22 anos de prisão pelo feminicídio triplamente qualificado contra Ana Francisca Pereira da Silva e pela tentativa de feminicídio duplamente qualificada contra Lucileneda Silva Sousa. 

Segundo o TJ, o réu vai cumprir a pena em regime fechado, no município de Floriano.

Em outro caso, o Conselho de Sentença condenou Francisco Máximo Duarte pelo crime de tentativa de homicídio duplamente qualificada por motivo fútil e uso de meio que dificultou ou impossibilitou a defesa da vítima, cometido contra Olga Barros Alelaf. 

O réu foi condenado a seis anos, nove meses e onze dias de detenção e vai cumprir a pena na Colônia Agrícola Major César, em Teresina.

Da Redação
[email protected]