Cidadeverde.com

PGJ visita Promotorias e agiliza trâmites para construção de sede em Floriano

O Procurador-Geral de Justiça, Cleandro Alves de Moura, esteve hoje (07/04) na sede da Promotoria de Justiça de Regeneração, visitando as instalações. Também estavam no município o Corregedor-Geral do Ministério Público, Aristides Pinheiro, e o Promotor Corregedor Cláudio Bastos, que conduziam uma correição ordinária. A equipe foi recepcionada pela Promotora de Justiça Valesca Caland Noronha.

O objetivo do Procurador-Geral é verificar as condições de trabalho dos membros do Ministério Público, a fim de desenvolver estratégias para aprimorar ainda mais a atuação institucional em todo o estado. 

“Nosso plano de gestão prevê a execução de uma série de medidas para agilizar a prestação de serviços. Um exemplo é a criação dos núcleos regionais de Promotorias de Justiça, que devem contribuir para facilitar a distribuição de materiais, equipamentos e outros itens essenciais ao trabalho”, declarou Cleandro Moura.

O Procurador-Geral esteve ainda em Floriano, onde se articulou com os Promotores de Justiça da comarca para finalizar o processo de doação do terreno que deverá abrigar a próxima sede própria do Ministério Público no interior. De acordo com ele, a construção de sedes próprias é uma prioridade, pois viabiliza o oferecimento de melhores condições de trabalho aos integrantes da instituição, que assim podem prestar um melhor atendimento à população. 

“Temos investido na construção de sedes modernas, amplas, bem localizadas e totalmente acessíveis. As atribuições do Ministério Público estão sendo continuamente ampliadas, e por isso precisamos disponibilizar, para a comunidade de Floriano, uma casa condigna, onde sejam ouvidos os anseios sociais”, relatou o chefe do MP/PI.

Durante o evento realizado na atual sede das Promotorias de Justiça, o Prefeito do Município, Gilberto Júnior, entregou ao chefe do Ministério Público um termo de compromisso de doação. Após a apreciação do Poder Legislativo Municipal, a titularidade do terreno deve ser transferido à instituição dentro de poucas semanas. Também participaram da reunião os Promotores de Justiça Arimatéa Leão, Cláudio Soeiro e Manoel Monteiro. Em seguida, o Procurador-Geral foi conhecer o terreno doado, antecipando que em breve serão instaurados os procedimentos necessários para o início das obras.

 

Da Redação
redacao@cidadeverde.com