Cidadeverde.com

Suspeito de assalto morre em acidente durante perseguição policial

Atualizada às 8h12 desta segunda (31)

O suposto comparsa do suspeito que morreu durante perseguição policial ontem (30) foi identificado como Eraldo Neste Penha Júnior. Ele sofreu lesões graves e permanece internado. 

O comandante da PM de Floriano, major Rubens Ferreira Lopes, acrescenta que a motocicleta utilizada pela dupla havia sido roubada dois dias antes do crime e pertence a um funcionário da Eletrobras.

Matéria postada no domingo (30)

Em Floriano, dois suspeitos de assalto foram perseguidos e um deles acabou morto após se envolver em uma colisão. O delegado plantonista da cidade, Caio Batista, explica que a dupla fugia em uma motocicleta e colidiu em uma lixeira de ferro que foi arrancada com o impacto do acidente.

"Após um assalto, eles avistaram a Polícia Militar e, assustados, empreenderam fuga. Como andavam em alta velocidade, o piloto colidiu com uma lixeira de ferro que foi arracancada com o impacto. Não houve troca de tiros. A vítima fatal morreu em decorrência da queda, provavelmente, após um traumatismo craniano ou pode mesmo ter quebrado o pescoço", explica o delegado, que é titular da delegacia de Itaueiras. 

A vítima fatal, Bruno Henrique, morreu no local. O suposto comparsa, que não teve a identidade confirmada, foi encaminhado ao Hospital Regional Tibério Nunes. O caso ocorreu na tarde deste domingo (30), no bairro Alto da Guia, em Floriano, distante 244 km de Teresina.

O delegado explica que com os suspeitos foram encontrados uma arma de fogo, vários aparelhos celulares e um tablet, possivelmente, produtos de roubo.


Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com