Cidadeverde.com

Alunos surdos solicitam inclusão da disciplina LIBRAS em Floriano

Na manhã desta segunda-feira (6), a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Governo, recebeu estudantes surdos da comunidade escolar e acadêmica de Floriano. Acompanhados da intérprete da SEMED, Eliene Pereira, eles puderam trazer suas reivindicações e pedir o apoio da Prefeitura para ações da comunidade surda, afim de fortalecer o município, que é referência no quesito inclusão social. O pleito principal da conversa com James Rodrigues, secretário de Governo, foi a solicitação da inserção da disciplina de LIBRAS no currículo da Educação Básica do município, essencial para que se fomente o reconhecimento da língua como meio legal de comunicação e expressão.

“O surdo chega à escola sem saber a LIBRAS, o que inviabiliza o trabalho do interprete. Além disso, mesmo que este seja alfabetizado, grande parte dos alunos ouvintes não dialogam em LIBRAS, fazendo com que o processo de ensino aprendizagem dos surdos se torne limitado à diálogos apenas com o interprete, não havendo assim uma “inclusão” de fato e nem uma interação ativa com os outros alunos", afirmou Eliene. James, em posse da solicitação, afirmou que a inserção já acontece em outros estados e a implantação da disciplina na base melhoraria o ensino, a inclusão e a interação desses alunos. "O município assume o compromisso de dar andamento ao pedido", finalizou.