Cidadeverde.com

Polícia Civil prende 3 suspeitos pela morte de jornalista carbonizado no Piauí

A Polícia Civil do Piauí concluiu o inquérito que investigou a morte do jornalista Elson Feitosa, 38 anos, no último dia 3 deste mês. Três homens, identificados apenas como José Carlos, Madson e Misael foram presos. Ainda não se sabe o motivo do assassinato do jornalista, que estava desaparecido desde o dia 2. Mais detalhes serão divulgados às 11h30 desta quarta-feira (14) pela polícia.

O corpo foi encontrado no Povoado Aprazível, estando 50% queimado. A Polícia Civil acredita que o responsável pelo crime tenha derramado algum tipo de combustível e ateado fogo no corpo da vítima.

A investigação foi comandada pelo delegado Danúbio Dias sob a coordenação do delegado Francisco Bareta. A Polícia Civil do Piauí, por meio da Delegacia de Homicídios, apresenta às 11h30min, no auditório da Delegacia Geral, o resultado das investigações em torno do homicídio. 

Elson Feitosa tinha 38 anos e morava no bairro de Fátima, na zona Leste de Teresina. Ele já havia trabalhado em alguns sites de notícia na capital e atualmente trabalhava em uma loja de confecções no Shopping da Cidade.

 

Maria Romero com informações do Notícia da Manhã
redacao@cidadeverde.com