Cidadeverde.com
Últimas

Cantora Kesha processa produtor por assédio sexual

Imprimir

Kesha entrou com uma ação contra o produtor Dr. Luke. A cantora americana alega que sofreu "abusos sexuais, físicos, verbais e emocionais" durante uma década, segundo o site TMZ. A ação diz que Luke, que se chama Lukasz Gottwald, começou a assediá-la sexualmente quando Kesha assinou contrato para trabalhar com ele. A cantora tinha 18 anos e ele supostamente a obrigou a beber álcool e usar drogas para ficar menos inibida.

Kesha está pedindo a um juiz para liberá-la de seu contrato com Gottwald. Dr. Luke, que também trabalhou com Katy Perry, Britney Spears, Christina Aguilera e muitos outros artistas, entrou com uma ação judicial contra Kesha. Ele afirma que ela inventou suas alegações e tentou extorqui-lo para que possa terminar seu contrato com ele. O produtor apresentou sua ação no mesmo dia em que a cantora pop entrou com o dela.

Fonte: G1

Imprimir