Cidadeverde.com
Geral

Crea reprova material utilizado na construção de presídios do Piauí

Imprimir
  • DSC03926.JPG divulgação
  • índice.jpg divulgação
  • DSC03937.JPG divulgação
  • DSC03931.JPG divulgação
  • DSC03917.JPG divulgação
  • DSC03908.JPG divulgação
  • DSC03904.JPG divulgação
  • DSC03897.JPG divulgação

No último fim de semana, mais uma fuga em massa foi registrada na Casa de Custódia em Teresina. Dessa vez, os detentos do pavilhão D conseguiram sair após abrirem um buraco em uma laje. O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Piauí (Crea-PI), Paulo Roberto Ferreira, aponta falhas na estrutura física dos presídios do Estado, o que segundo ele, facilita a ação dos presos. 

Baseado em uma análise superficial das imagens da Casa de Custodia, o engenheiro reprovou a estrutura física das lajes e paredes do presídio. Ele destacou a necessidade de elaboração urgente de um projeto que possa garantir a segurança dos presos e  funcionários do sistema penitenciário do Estado. 

“A laje e as paredes da Casa de Custodia são de alvenaria e isso é preocupante, pois o concreto se rompe com facilidade, bem como a remoção de barras de ferro, também fica mais fácil. O ideal seria que tudo fosse feito com concreto, que é bem mais resistente”, disse Paulo Roberto. 

O engenheiro também criticou as obras de reparo feitas de forma paliativa nos presídios. “O ideal é que o Estado abra uma licitação para contratar uma empresa que faça um projeto decente de recuperação da Casa de Custódia. Não sabemos como essas reformas emergenciais estão sendo feitas, o que pode por em risco a segurança de todos que estão lá”, alerta o presidente do Crea. 

Após o ultimo motim, que ocorreu no domingo (26), a Secretaria de Justiça do Estado do Piauí (Sejus), anunciou que as lajes da Casa de Custodia serão reforçadas com chapas de aço. Segundo o engenheiro, o procedimento é adequado. “Isso impedirá que o objeto usado para furar a laje perfure e abre um buraco, facilitando a fuga dos detentos”, finalizou o presidente. 

Presidente do Crea, Paulo Roberto Ferreira

 

Saiba Mais

Presos queimam colchões e pelo menos 10 fogem em nova rebelião na Custódia

Sejus confirma um morto e dois feridos em motim na Casa de Custódia

Diretor da Casa de Custódia pede afastamento após motim

Flash Graciane Sousa (Redação Carlienne Carpaso)
[email protected]

Imprimir