Cidadeverde.com
Geral

Adolescente é assassinado dentro do CEM após desentendimentos

Imprimir

Atualizada às 13h

O adolescente Jonatas da Silva Cardoso, 16 anos, foi morto por dois companheiros de alojamento na ala E do Centro Educacional Masculino (CEM) na na noite desta terça-feira(25) em Teresina. Natural de Floriano, Jonatas cumpria medida socioeducativa há cinco dias no centro pela prática de roubo. A informação foi confirmada pela Secretaria da Assistência Social e Cidadania (SASC) que lamentou o fato.

A Delegacia de Homicídios confirmou que todos os adolescentes do alojamento, num total de sete, participaram do crime, dentre eles, três já são maiores de idade e foram autuados na Central de Flagrantes. Inicialmente apenas dois, um de 17 e outro de 16 anos, haviam assumido a autoria. Todos já haviam se envolvido em fugas e tentativas da unidade. De acordo com as primeiras investigações, a motivação teria sido um desentendimento entre os suspeitos e vítima. A morte do menor foi causada por perfurações com ferros pontiagudos e asfixia. 

O coordenador da Homicídios, delegado Francisco Baretta, disse que vai apurar a transferência do adolescente de alojamento e da demora em acionar a polícia. “Ontem ele foi mudado do alojamento 1 para o 3 e vamos fazer a oitiva desses educadores para saber o porquê dessa transferência e também porque demoraram a comunicar o fato. Já que o crime aconteceu às 19 horas e só fomos comunicados às 21h50”, declarou o delegado. 

No local havia nove socioeducadores trabalhavam no plantão. 

Segundo a Sasc, após o crime, perícias técnicas e policiais da Delegacia de Homicídios estiveram no local, para investigar o fato. Medidas de segurança também foram adotadas.

Os adolescentes foram levados para a Central e, em seguida, ao IML para fazer exame de corpo e delito e depois conduzidos ao Complexo de Defesa da Cidadania, em cumprimento de Medida Cautelar e por medida de segurança. 

A Sasc informa que está prestando a devida assistência à família da vítima e adotando as providências necessárias para liberação e traslado do corpo, que será encaminhado para o município de Floriano. 

Superlotação

O Cem possui atualmente com 154 adolescentes cumprindo medidas socioeducativas, com capacidade para 60 internos. Um aumento de 83% no número de interno do ano passado para cá e a maior parte é homicida e latrocida. 

A secretaria disse ainda que o edital para reforma e ampliação do Centro será lançado no dia 7 de novembro. O custo total com a execução da obra é estimado em R$ 1,7 milhão, oriundos através de empréstimo realizado para Governo do Estado.

Mortes no CEM

Ano passado, outro adolescente foi espancado até a morte por companheiros de alojamento no CEM. Gleison Vieira da Silva, 17 anos, foi morto no dia 26 de julho na ala D. Ele era um dos acusados do estupro coletivo em Castelo do Piauí, no qual uma das vítimas morreu. Os acusados do homicídio  foram comparsas de Gleison no crime.   

Gleison foi morto em 2015

Os socioeducadores haviam iniciado uma greve na semana passada e haviam retornado ao trabalho nesta terça-feira(25), após terem os vencimentos atualizados. 


Caroline Oliveira 
[email protected]

Imprimir