Cidadeverde.com
Política

Junta Comercial integrará mais 100 municípios do PI na plataforma online

Imprimir

Em 2017, a presidente da Junta Comercial do Piauí, Alzenir Porto, informou que 100 novos municípios irão fazer parte do sistema de integração do órgão para a abertura de empresas. Em entrevista ao Notícia da Manhã, nesta quarta-feira (18), Alzenir também declarou que o ano de 2016 foi positivo para o Piauí uma vez que registrou mais abertura de empresas do que fechamento. 

“Na primeira quinzena de fevereiro, nós já vamos selecionar os novos municípios. Geralmente, nós já procuramos os locais em que os prefeitos estejam simpáticos à causa e que solicita esse trabalho de integração, também buscamos aqueles que têm maior número de empresas. A nossa pretensão é levar esse sistema para todos os 224 municípios”. 

A plataforma online está em funcionamento desde maio de 2016. Em menos de um ano de uso, o sistema já está implantado em mais 40 municípios do Piauí. Atualmente o sistema é utilizado por onze estados, possuindo 1.400 municípios integrados. 

“Através dessa plataforma, chamada Piauí Digital, o empresário poderá acessar não somente a Junta Comercial, como também outros serviços a exemplo do Corpo de Bombeiros, da Prefeitura e Vigilância Sanitária; dentre outros órgãos de licenciamento”.

Alzenir também destacou que a informatização e a centralização de informações necessárias para abertura de uma empresa contribuiu para esse aumento. 

“Antigamente para abrir uma empresa era preciso andar por vários órgãos, hoje em dia você pode fazer isso em um único portal, que é o da Junta Comercial. Isso faz com que o nosso empresariado tenha mais rapidez e segurança para abrir sua empresa”, comentou Alzenir.

A gestora também destacou que no início houve uma resistência pelas pessoas não adeptas a internet, mas que isso já está sendo superado. "O empresário encontrou facilidade de trabalho para fazer com que o negócio prospere. O Estado tem que oferecer facilidade e evitar o fechamento de empresas", acrescentou. 

Sobre o crecimento do número de abertura, Alzenir ressaltou a presença das pequenas empresas.  “Diante desse período de crise em que o país passou, o Piauí teve saldo positivo porque nós tivemos um grande número de empresas sendo abertas, principalmente com os microempresários”, disse a presidente da Junta.

 

Carlienne Carpaso
[email protected] 

Imprimir