Cidadeverde.com
Últimas

Preso suspeito de explodir caixas na prefeitura de Picos e no Dom Barreto

Imprimir
  • IMG_6479.JPG Wilson Filho
  • IMG_6480.JPG Wilson Filho
  • IMG_6482.JPG Wilson Filho
  • IMG_6483.JPG Wilson Filho
  • IMG_6484.JPG Wilson Filho
  • IMG_6485.JPG Wilson Filho
  • IMG_6486.JPG Wilson Filho
  • IMG_6487.JPG Wilson Filho

Policiais militares do 9° BPM prenderam mais um dos foragidos da quadrilha interestadual de explosão de caixas eletrônicos. Lucas Paulo Santos, 22 anos, estava com mandado de prisão em aberto e seria um dos responsáveis por conseguir explosivos para as práticas criminosas. Com essa prisão, a polícia totaliza 27 presos que fazem parte de três organizações.

De acordo com o major Gilson Leite, comandante do 9º BPM, o suspeito estava escondido em uma residência no bairro Matinha, zona Norte da Capital. Ele não ofereceu resistência à prisão e está sendo levado para a sede do Grupamento de Repressão ao Crime Organizado (Greco).

"Cada membro dessa quadrilha tinha uma função. Existem os 'cabeças'  e os integrantes que dão apoio. O preso era encarregado de conseguir explosivos e também dava apoio diretamente nas ações", disse o comandante do 9° BPM.

Lucas Paulo é suspeito de participação nos estouros de caixas eletrônicos no colégio Dom Barreto, Detran, prefeitura de Picos e também ao Banco do Brasil de Luís Correia. 

No final de semana, foram presos João Gomes Rodrigues Barros, João Gordim e Marcelo Pimentel Cunha Nery, Marcelo Negão. 

De acordo com PM, ainda há suspeitos de integrar essa organização criminosa sendo procurados, entre eles: José Antônio da Silva, Índio; John Lessa Oliveira, John John e Rafael da Costa Carvalho, Rafael Bicudo.


Graciane Sousa
[email protected]

Imprimir