Cidadeverde.com
Geral

Polícia investiga morte de jovem que teria furtado casa de traficante

Imprimir

A Delegacia de Homicídios apura se a morte de Sávio de Oliveira Sousa, 20 anos, assassinado na madrugada de ontem (24) tem relação com um furto praticado por ele há uma semana. 

Familiares relataram que o jovem vinha recebendo ameaças de morte após furtar a casa de um traficante em Timon-MA. Da residência foram levados uma TV de 50 polegadas, um celular e um botijão de gás. Com medo, a família de Sávio se reuniu e comprou os objetos furtados para devolver ao suspeito de tráfico. 

O furto atribuído a Sávio ocorreu no último dia (16). Logo após o crime, o traficante com homens armados teria invadido um salão de cabeleireiro de parente da vítima e promovido um verdadeiro 'quebra-quebra'. Na ação, ele teria dito que "queria as coisas dele de volta". 

Com medo, familiares de Sávio compraram objetos idênticos aos furtados e devolveram para o suspeito. Ontem (24), o jovem apareceu morto após uma bebedeira na zona Sudeste da Capital, com mais de 20 perfurações sendo a maioria no pescoço. O suspeito utilizou uma espécie de espeto de madeira improvisado para matar a vítima.


Graciane Sousa 
gracianesousa@cidadeverde.com

Imprimir