Cidadeverde.com
Últimas

Torneiro mecânico se defende sobre acusação de ter agredido namorada

Imprimir

 

O torneiro mecânico Johny Pereira se defende das acusações da namorada Karinny Beatriz, sobre supostas agressões durante uma briga na casa onde moravam juntos há cerca de dois meses, no bairro Macaúba, zona Sul de Teresina. Ele, que também possui marcas de agressões pelo corpo, disse que ela que teria começado com a briga e usado uma faca para provocar os ferimentos. Já Karinny alega que o namorado a espancou com uma barra de ferro. 

"Ela veio com o facão e me agrediu aqui no rosto e me deu um murro. Eu, para não perder minha razão, fiquei na minha, querendo que ela abrisse o portão, pedindo para que os vizinhos chamassem a viatura. E quando a viatura chegou, dois sargentos me ajudaram a quebrar o cadeado”, contou o torneiro à TV Cidade Verde.

Johny Pereira também justificou seu post numa rede social depois de ter pago a fiança na Central de Flagrantes. “Como ela tentou me prejudicar, qualquer pessoa se sentiria com vontade de expressar uma liberdade. Eu tenho 40 anos, nunca passei por uma delegacia, nunca dei entrada em um distrito, eu estava me sentindo constrangido”, declarou. 

Karinny havia sofrido um acidente de moto, antes da suposta briga com namorado. Ela apresentou fotos da casa revirada e alguns móveis quebrados. Segundo ela, o namorado teria se descontrolado após ver umas mensagens no seu celular da vítima. 
 
Johny, não deu detalhes do que teria causado a briga. “Eu só quero que ela tenha consciência e fale a verdade e acabar com esse tipo de coisa”, destaca. 

Por causa do acidente de moto antes das supostas agressões, o exame de corpo de delito não conseguiu identificar quais eram os ferimentos do acidente e das agressões. A fiança foi impetrada por ele também ter sofrido agressão, mostrado os hematomas pelo corpo, não ter testemunhas do fato e ele ser réu primário.

O caso foi encaminhado à Delegacia da Mulher, que vai investigar o que realmente aconteceu. 

 

Caroline Oliveira
Com informações de Egídio Brito 
redacao@cidadeverde.com 

Imprimir