Cidadeverde.com
Geral

Estilista é morta em Fortaleza enquanto saía do trabalho

Imprimir

Foto: Reprodução / Facebook

Nayana Mara Costa Araújo, 32, foi morta na tarde de ontem, 14, quando saía de uma loja de confecção de roupas. A estilista e modelo foi abordada por três homens no local onde estacionou o carro. Durante o assalto, ela foi atingida por um tiro no rosto e não resistiu aos ferimentos. O corpo de Nayana foi velado nesta terça-feira, 15, na funerária Alvorada, no bairro Parangaba. O velório deve se estender até as 15h. Após a cerimônia, o corpo será enterrado no cemitério Parque da Paz. 

Informações da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) apontam que os homens teriam tentado levar o veículo da vítima, mas Nayana entrou no carro. Nesse momento, o tiro foi disparado.  O veículo utilizado no crime, de modelo Classic cor cinza, foi abandonado horas depois do ocorrido no estacionamento de um supermercado. Segundo a Polícia, o carro constava como roubado e tinha placas clonadas. O carro foi apreendido pela polícia, juntamente com o da vítima. 

De acordo com o secretário da SSPDS, André Costa, além da Divisão de Homicídio e da delegacia da área, outro grupo participará das apurações. Até agora, os levantamentos apontam para um latrocínio - roubo seguido de morte -, mas outras linhas de investigação ainda não foram descartadas. 

Denúncias

A Polícia Civil reforça que a população pode contribuir com as investigações repassando informações que possam ajudar na elucidação do caso. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), para o (85) 3257-8807, da DHPP, ou ainda para o número (85) 99111-7498, que é o WhatsApp da Divisão, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem. O sigilo é garantido.

Fonte: O Povo

Imprimir