Cidadeverde.com
Viver Bem

Vitamina C e Zinco ajudam a fortalecer sistema imunológico

Imprimir

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas as epidemias anuais de gripe contaminam de 5% a 15% da população mundial e podem causar a morte de 250 mil a 500 mil pessoas por ano. Além das vacinas para prevenção de viroses, como, por exemplo, gripes e resfriados é preciso também uma alimentação equilibrada, com a ingestão de nutrientes como a vitamina C e o zinco, que ajudam no fortalecimento do sistema imunológico.”Há muito tempo é discutido o aumento da ingestão de vitamina C para prevenir gripes e resfriados”, afirma o Dr. Daniel Magnoni, nutrólogo do Instituto de Metabolismo e Nutrição e chefe da sessão de nutrição clínica do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia e do Hospital do Coração.

Atualmente, outros nutrientes têm sido também alvo de pesquisas. Descobertas mais recentes demonstram os benefícios do zinco e sua relação com doenças infecciosas e imunidade. “A ação conjunta dessas duas substâncias auxilia o funcionamento adequado do sistema imunológico e a produção de anticorpos” defende Dr. Magnoni.

A vitamina C (também conhecida como ácido ascórbico) é importante para a produção de colágeno, colaborando para a formação dos dentes e ossos e cicatrização, auxilia na absorção do ferro dos alimentos, age como antioxidante e também atua no sistema imunológico, estimulando a atividade dos leucócitos.

No caso do zinco, ele é um componente essencial de muitas enzimas que estão envolvidas nas principais vias metabólicas e processos biológicos. Possui um papel importante na síntese de muitas proteínas e colágeno, nas funções olfativas e paladar, na velocidade de cicatrização de ferimentos e úlceras vasculares, ou seja, na substituição de perda tecidual. Além disso, sua deficiência leva a um decréscimo da atuação protetora contra infecções.

Estudos demonstraram que a deficiência moderada do mineral em pacientes com anemia falciforme, doença renal, doenças gastrointestinais crônicas, pacientes com Aids e crianças com diarréia favorece o aumento de infecções oportunistas e que podem levar à morte. Mesmo por períodos curtos, o uso de suplementação de zinco demonstrou que é possível melhorar a defesa imune de pacientes nestes estados, além de ter sido verificado o efeito do nutriente no controle da diarréia e das infecções respiratórias em crianças pré-escolares.

É possível encontrar vitamina C e zinco em vários alimentos como frutas, hortaliças e carnes. Nos casos em que existe a falta de tempo para aquisição e preparo adequado destes alimentos e a impossibilidade da ingestão das quantidades necessárias diariamente, é possível encontrar nos suplementos a ajuda necessária para atingir o balanço ideal de vitaminas e minerais essenciais.

 

Fonte: Femminina

Imprimir