Cidadeverde.com
Geral

Bebê que teve lábio arrancado pelo pai é entregue a nova família

Imprimir

Foto: Cidadeverde.com


 Juíza Maria Luíza de Moura

O bebê que teve os lábios mordidos pelo próprio pai foi entregue a uma nova família. A audiência aconteceu nesta terça-feira (18), em Teresina. A informação foi confirmada ao Cidadeverde.com pela juíza Maria Luíza de Moura, titular da 1ª Vara da Infância e Adolescência. Segundo ela, nesse processo - que corre em segredo de justiça - constava apenas o caso do bebê. Os irmãos dele continuam em um abrigo de acolhimento.

O caso ganhou grande repercussão em Teresina. No dia 14 de abril de 2018, o bebê - que tinha apenas um mês de idade - deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Promorar, zona Sul de Teresina, com mordidas no lábio e em outras partes do corpo. O pai, identificado apenas como Francisco, foi apontado como autor da agressão. A mãe contou que a violência teria sido motivada porque o suspeito desconfiava que o bebê não seria seu filho. 

A própria  juiza classificou como uma “atrocidade” o caso. A criança perdeu 100% do lábio inferior e ficará com cicatrizes irreparáveis. O pai foi preso suspeito de tentativa de homicídio.

O bebê só teve alta do Hospital de Urgência de Teresina (HUT) em agosto após uma série de testes alimentares. De lá foi levado para um abrigo junto com os irmãos.

Hérlon Moraes
herlonmoraes@cidadeverde.com

Tags: bebê
Imprimir