Cidadeverde.com
Viver Bem

Dicas ajudam manter a forma treinando em casa

Imprimir

Foto: Pixabay/ fotos gratis

A falta de tempo, provocada pela agitação da vida moderna, nos deixa por vezes em uma encruzilhada: como manter a forma sem conseguir ir à academia regularmente? A resposta está diante dos olhos: dá para fazer em casa uma espécie de local de treinos.

Isso já é uma realidade para muita gente. Afinal, comprar aparelhos e máquinas é muito fácil até mesmo pela internet. Mas a motivação é parte vital dessa prática. A Organização Mundial da Saúde orienta constantemente para que as pessoas sejam ativas fisicamente, mas é sabido que não se trata e algo tão fácil.

A rotina necessária

Definir uma rotina é importante. Por exemplo: toda terça e quinta, por 30 minutos. Ao definir isso, haverá consciência do que está programado, impedindo assim que outros compromissos sejam agendados naqueles dias e horários. 

Como toda rotina, precisa ser feita sistematicamente, até se tornar um hábito. Afinal, fazer por uma semana, depois parar e então querer voltar daqui a duas semanas, por exemplo, além de ser frustrante, não ajuda.

Requisitos

Após a realização da avaliação física inicial (teste ergométrico), a pessoa não tem mais motivos para não iniciar seu programa de exercícios físicos no local que desejar. A adaptação ao treinamento deve ocorrer de forma gradativa, respeitando as características do indivíduo e seus sistemas muscular e cardiorrespiratório.

Escolha inicialmente uma modalidade de sua preferência. Defina e organize um espaço arejado e amplo em sua residência. Podem ser utilizados os seguintes materiais: colchonetes, caneleiras, halteres e elásticos, além de outros que serão os próprios móveis de casa, ou até mesmo sem nenhum material.

Dicas de exercícios

Alguns tipos de exercícios que podem ser feitos: flexão de braço no solo; agachamento (sentar e levantar no banco); subir e descer escadas; afundar  (deslocamentos frontais); polichinelos; tríceps sobre a cadeira; prancha; stiff unilateral (aviãozinho); abdominais e barra (pendurada no batente da porta).

 

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir