Cidadeverde.com
Geral

Vídeo: chuva causa transtornos no aeroporto de Teresina

Imprimir

 

Além de romper um trecho da PI-366 em José de Freitas, as chuvas da noite deste domingo (24) também causaram transtornos ao Aeroporto Petrônio Portela, em Teresina. 

Um passageiro gravou um vídeo no local, mostrando que a área em frente à porta de desembarque apresentava goteiras e, na calçada, muita água caía da luminária.

As imagens mostram que, para evitar maiores danos, os funcionários colocaram bacias na porta de desembarque e um aviso sobre o piso molhado - daqueles que são colocados quando alguém está limpando o chão.

O superintendente da Infraero no Piauí, Marco Aurélio Zenni, explicou ao Cidadeverde.com que o problema foi ocasionado pela obra que está sendo realizada no piso superior.

"Está sendo trocada toda a cobertura do terminal e tivemos um volume de água muito grande em pouco tempo. A estrutura de contenção que havia não surtiu o efeito desejado", esclareceu o gestor.

Zenni afirmou que já foram tomadas novas medidas para evitar que o problema se repita. "Não temos como prever, mas espero que não aconteça novamente. Até o final da semana a obra da cobertura termina e estará tudo coberto", acrescenta.

A conclusão total da reforma no Aeroporto Petrônio Portela está prevista para o final de julho ou início de agosto, de acordo com o superintendente.

Zenni confirmou ainda que houve atraso em um voo da TAM na noite de ontem, mas o atraso não teve a ver com a obra do aeroporto nem com as goteiras e sim com a meteorologia. "Foi apenas em um único voo, por um período de uma hora, e a situação já está normalizada", completou.

Zona Norte inundada

A Defesa Civil de Teresina está fazendo, nesta segunda-feira (25), o monitoramento e atendimento em bairros com áreas de risco na capital. Segundo o levantamento do órgão, a Vila Mocambinho, Poti Velho, Mafrense, São Joaquim, Parque Alvorada, Santa Maria da Codipi, e a região do Parque Lagoas do Norte, na zona Norte de Teresina, foram consideradas as de maior gravidade após as chuvas do fim de semana.

A população pode entrar em contato com a Defesa Civil por meio de ligação gratuita para o número 153 e solicitar auxílio. A recomendação preventiva é que se aguarde a drenagem do espaço para poder sair em segurança e não adentrar em superfícies emersas pela água.

Jordana Cury
jordanacury@cidadeverde.com 

Imprimir