Cidadeverde.com
Geral

Psicólogo defende maior diálogo para políticas públicas sobre drogas

Imprimir



O Senado aprovou este mês mudanças na política sobre drogas no brasil. O Projeto de Lei da Câmara (PLC) 37/2013 altera o Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas (Sisnad), que coordena medidas relacionadas à prevenção do uso de psicoativos, à atenção à saúde de usuários e à repressão ao tráfico. Em entrevista ao Acorda Piauí, o psicólogo Ricardo Cruz, que é mestrando em prevenção e assistência a usuários de álcool e drogas na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, analisa o cenário que se forma no país através das mudanças na lei. Para ele, apostar no modelo de internação não deve ser prioridade no cenário de prevenção e tratamento a usuários de alcool e outras drogas. Isso porque a mudança prevista pelo Governo Federal, agora, reforça o papel das comunidades terapêuticas no tratamento de dependentes e facilita a internação involuntária, contra a vontade do dependente.

Ouça na íntegra:

Tags:
Imprimir