Cidadeverde.com
Política

Chico Antônio propõe corte no próprio salário

Imprimir
O novo prefeito de Esperantina, Chico Antônio (PT), tomou posse na manhã desta quinta (1º) e afirmou que uma de suas primeiras preocupações em sua gestão é será diminuir o aumento de salário dado por vereadores para o executivo e o legislativo da cidade. Entre as prioridades do seu governo está a diminuição do índice de analfabetismo no município que, segundo o petista, chega a 33%.
 

O prefeito Chico Antônio em solenidade de posse em Esperantina

A Câmara Municipal de Esperantina aprovou em 2008 um reajuste de quase 100% para o prefeito, vice e vereadores. O prefeito da cidade que recebia R$ 10.000 passará a receber R$ 19.800. O vice que recebia R$ 4.900 terá seu soldo reajustado para R$ 10.000 e os vereadores que tinham salário de R$ 3.800 passarão a ganhar R$ 6.590.

O valor do salário de prefeito supera o do governador Wellington Dias e até mesmo o do presidente Lula, cotados em R$ 12.000 e R$ 16.250, respectivamente.
 

“Esse reajuste foi aprovado em setembro, na gestão do (ex-prefeito) Santolia. Foi uma decisão da Câmara, não podemos mudar. Mas não podemos permitir que num município no estado em que está Esperantina que tenha um salário deste tamanho”, diz Chico Antônio (foto). O novo prefeito garante que consultou a procuradoria do município para tentar reverter a situação e, caso não obtenha sucesso, tentará convencer os abonados pelo aumento a doarem parte do salário.

Posse
Em sua posse, Chico Antônio assinou um termo de adesão que fará com que licitações do município estejam ligadas ao pregão eletrônico do governo do estado. “Este é um instrumento que tem confiabilidade grande, nada mais natural do que utilizá-lo”, explica.
 
Chico Antônio ao lado da mãe, Dona Dora,
durante missa de Ação de Graças nesta quinta (1º)
 
Secretariado
O petista afirma que parte do secretariado está confirmado. Entre os nomes já escolhidos estão o da vereadora Vilma Amorim (PT) que assumirá a pasta de Educação e Domingos Luiz (PRB) que liderará as ações de Assistência Social.

Desafio
Segundo Chico Antônio o principal desafio de sua gestão será diminuir o índice de analfabetismo da cidade, que segundo ele, chega a 33%. “Conversei com o governador Wellington Dias e sugeria que Esperantina se transforme num pólo de erradicação do Analfabetismo. Será um desafio grande”, analisa.

Sobre as finanças do município, o novo prefeito disse ainda que fará um levantamento da parte financeira de Esperantina e que determinará o inventário todo o patrimônio da cidade. Uma boa notícia para os servidores é que o novo prefeito afirmou que pagará todos os funcionários públicos na próxima segunda-feira (5).
 
Carlos Lustosa Filho
Tags:
Imprimir