Cidadeverde.com
Política

Em novo embate com petista, Firmino Filho diz que estado é omisso com a saúde

Imprimir

Foto: RobertaAline/CidadeVerde.com

O prefeito Firmino Filho (PSDB) reagiu às críticas do presidente estadual do PT, deputado Assis Carvalho, à administração tucana à frente da capital. Segundo Firmino, Teresina financia grande parte do Estado do Piauí em áreas como a saúde. Esta é a segunda vez nesta semana que Firmino tem embate com petista. No último dia 13, o tucano e o deputado estadual Franzé Silva trocaram farpas em discussão sobre educação da capital. 

Firmino Filho afirma que o governo de Wellington Dias (PT) tem sido omisso com a área da saúde. Hoje Teresina investe 34.5% das receitas para o financiamento da saúde, já o Governo do Piauí investiria 12%.

“Em relação à saúde fico surpreso porque o deputado Assis Carvalho foi secretário de Saúde e sabe do drama da saúde pública do Estado do Piauí. Teresina financia grande parte do Estado do Piauí. Ao longo do tempo o Estado do Piauí tem sido omisso na prestação do serviço de saúde para a população. O governo reiteradamente tem dificuldades de gastar 12% dos seus recursos em saúde. Quem carrega a saúde pública do Piauí é a Prefeitura de Teresina”, afirmou.

O tucano chega a comparar o Hospital Regional de Picos a um matadouro. Ele afirma que grandes obras não forma realizadas.  “Ao longo do tempo Teresina construiu uma superestrutura e gasta hoje 34.5% com saúde. Só três capitais gastam mais que Teresina. Quero saber nos últimos 30 anos qual foi a grande obra estruturante de saúde do Piauí. Qual? Quando se passa pelo interior do Estado tem aquela coisa horrorosa que é o Hospital Regional de Picos. É um verdadeiro matadouro. É uma situação calamitosa. O mesmo em Parnaíba, Floriano, isso só para falar dos maiores. O Estado do Piauí foi omisso na saúde pública. Esse governo tem que assumir a responsabilidade. Tem que olhar para seu quintal”, disse.  

O Sistema Inthegra também recebe críticas da oposição e de usuários. Porém, Firmino destaca os investimentos feitos e diz que a prefeitura trabalha para corrigir os problemas. Assis Carvalho usou o exemplo do Inthegra para afirma que a gestão tucana encontra-se “cansada”. 

“Basta andar pela cidade para observar os investimentos. Tem muita coisa na educação, na saúde e na área de mobilidade. O ensino fundamental é destaque no Brasil. Se isso é cansaço, eu queria ser mais cansado. Em relação ao Inthegra é importante dizer que estamos revolucionando a mobilidade urbana de Teresina. Fizemos investimos de  R$ 350 milhões. Fizemos oito terminais de integração, oito corredores de ônibus, estamos aprendendo a operar melhor o sistema. Na sua implementação apresentou dificuldades e estamos corrigindo. A população sabe que a prefeitura enfrenta os problemas. Não colocamos para debaixo do tapete e nem deixa para depois. É isso que fazemos de mobilidade urbana. Vamos enfrentar os problemas operacionais e vai sair avançando em nome da cidade”, afirma.

 

Lídia Brito
[email protected] 

Imprimir