Cidadeverde.com
Viver Bem

Cuidados pós-operatório de cirurgias plásticas durante pandemia

Imprimir

Por recomendação do Ministério da Saúde e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, estão suspensas as consultas e procedimentos cirúrgicos eletivos. Isso para manter o isolamento social e evitar a possível contaminação e disseminação do coronavírus.

Porém, pacientes que realizaram cirurgia plástica antes da quarentena e ainda se encontram no período pós-operatório, precisam redobrar a atenção durante a pandemia.

Segundo o cirurgião plástico, William Machado, estes pacientes ainda encontram-se com seu sistema imunológico todo voltado para a cicatrização. "Após a cirurgia o corpo passa por um processo chamado de resposta endócrino-metabólica ao trauma. Isso significa que o sistema imunológico está comprometido com a cicatrização da cirurgia. Em poucas palavras, todas as forças estão voltadas para esse objetivo", esclarece o médico.

Algumas cirurgias podem levar um maior tempo de recuperação, a de reconstrução de mamas e abdominoplastia, são exemplos. Porém, em todos os casos, para uma recuperação satisfatória, é fundamental que o paciente siga à risca as recomendações durante o pós-operatório.

"Dentre os cuidados no pós-operatório vale destacar: repouso adequado, dormir em posição orientada pelo cirurgião, não fumar ou ingerir bebidas alcoólicas, seguir dieta recomendada e evitar exposição ao sol de acordo com o tipo de cirurgia realizada, não coçar a cicatriz, evitar banhos longos e trocar o curativo de acordo com a orientação profissional", recomenda.

Além disso, o cirurgião alerta sobre os riscos de exposição nesse período. "Evitar ao máximo o contato social e aglomerações, pois o sistema imunológico está comprometido com a cicatrização. Se o paciente convive com quem trabalha fora de casa, os cuidados devem ser ainda mais redobrados. Oriente para essa pessoa trocar de roupa assim que chegar em casa e ir direto ao banho. Outro cuidado é limpar com álcool os lugares em que encostou. O uso de máscara facial protetora também é fundamental nesse momento", esclarece William Machado.

O médico destaca também que é importante realizar acompanhamentos nesse pós-operatório, mas sem contato. "Evitar ao máximo visitas. Nesse período as consultas on-line são as mais recomendadas. Por meio da telemedicina é possível fazer o acompanhamento por vídeo chamada", finaliza o especialista.

 

[email protected]

Imprimir