Cidadeverde.com
Viver Bem

Intradermoterapia pressurizada: procedimento ajuda no combate à celulite, gordura localizada e flacidez

Imprimir

O assunto do momento quando se fala em estética é a intradermoterapia pressurizada. Você sabe para que serve? É uma técnica usada para aplicar enzimas direto na área de tratamento, ajudando no combate à celulite, estrias, gordura localizada, dentre outros. O procedimento é realizado com uma caneta pressurizada, minimamente invasivo, ou seja, não utiliza agulhas. A técnica já caiu no gosto das teresinenses, que estão lotando as clínicas de estética.

Segundo a doutora Marília Santos, especialista em Harmonização Corporal, para passar pelo procedimento o paciente precisa ser avaliado.

"No caso de qualquer procedimento, o profissional da área é que está apto a sugerir o que você pode ou não fazer enquanto paciente. No caso da intradermoterapia pressurizada não é diferente, precisamos avaliar a situação de saúde com exames como hemograma, lipidograma, hábitos alimentares e de atividade física. Além disso, é preciso fazer teste para averiguar se tem alergia, e deixar bem claro os cuidados com o pré e pós aplicação", explica.

A especialista ressalta que o procedimento não causa dor e os efeitos são extremamente positivos.

"Casos de gordura localizada e flacidez são os recordes para atuação dessa maravilha em benefício estético", diz.

Da Redação
[email protected]

Imprimir