Cidadeverde.com
Geral

Equipe do Samu de Teresina defende empatia com pacientes de Manaus

Imprimir

Uma das equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) que vai fazer o translado de pacientes oriundos de Manaus (AM) que chegam nesta quinta-feira (14) a Teresina gravou um vídeo destinado a um técnico de enfermagem do Amazonas. A situação de colapso na saúde do estado fez com que o Ministério da Saúde solicitasse à Fundação Municipal de Saúde o acolhimento do doentes com Covid-19.

Nas imagens, os socorristas dizem que irão fazer o translado do Aeroporto de Teresina até o Hospital Universitário, onde os pacientes ficarão internados, com orgulho e dedicação. “A gente vai receber essa galera aqui da mesma forma que vocês receberiam a gente em Manaus. Vamos cuidar da turma”, diz Girleno França, autor do vídeo.  

Girleno França, trabalha dá seis anos no SAMU como motosocorrista. Ele disse ao Cidadeverde.com que a sociedade precisa ter empatia com os pacientes de Manaus. 

“Cada um tem um pensamento diferente. Mas nós somos profissionais do serviço público, do SUS. O SUS cobre todo país. Se fosse ao contrário, alguém que está criticando não ia querer que seu parente tivesse suporte ? Fora isso nós temos oportunidade de fazer uma coisa pelas pessoas que estão precisando do nosso serviço”, disse.

No vídeo aparecem ainda os técnicos em Enfermagem socorristas Tayane Castro, Isis de Sousa Leal e o condutor socorrista Marcos Aurélio Porto.

“Fizemos juramento para lidar com adversidade fazendo o nosso papel, que é salvar vidas”, acrescenta Girleno.

Os pacientes chegam na capital às 18h, em voo da Força Aérea Brasileira (FAB). De acordo com a diretora geral do SAMU em Teresina, Francina Amorim, as equipes permanecerão durante toda a tarde preparadas para o deslocamento. Pelo menos 10  ambulâncias foram disponibilizadas para realizar o serviço. Cerca de 30 profissionais participarão do translado. 

Izabella Pimentel
[email protected] 

Imprimir