Cidadeverde.com
Geral

Piauí recebe neste sábado 89 mil doses de vacinas da Janssen, Pfizer e Aztrazeneca

Imprimir

Foto: Sesapi

O estado do Piauí recebe a segunda remessa de vacinas da Janssen. Serão 27.250 doses, que devem chegar no início da tarde deste sábado (03), no aeroporto Petrônio Portela. No mesmo dia também serão recebidas no Piauí 19.890 doses da Pfizer e 42.250 vacinas AstraZeneca, totalizando 89.300 doses somente neste sábado.  

O voo com as doses da vacina Fiocruz/AstraZeneca está previsto para aterrissar às 12h15 e o que transporta as vacinas Janssen e Pfzier tem previsão de chegada, em Teresina, às 15h35.

Todos os municípios do Piauí vão receber doses da Janssen e os demais imunizante. "Mais um lote desta vacina que só precisa de uma dose chega ao nosso estado e nos ajuda a imunizar com mais celeridade nossas população. Pedimos aos municípios que assim que receberem, estas doses, apliquem o mais rápido possível" ressalta o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto. 

Além de ter se mostrado segura e eficaz e ter a aprovação emergencial da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) desde o final de março, a vacina da farmacêutica Jhonson & Jhonson, traz uma vantagem importante: ao contrário dos outros imunizantes já em uso, ela precisa de apenas uma dose para a imunização completa.

"Isso amplia o número de pessoas que pode ser protegida e facilita todo o processo, uma vez que não há necessidade de voltar ao posto de saúde após algumas semanas para completar o esquema vacinal. Porém, aqueles que já tomaram as doses das outra vacinas que precisam de duas necessitam voltar aos postos de saúde nas datas estabelecidos pelos municípios e completar seu esquema" lembra o gestor.

As vacinas da Janssen e da Pfizer serão distribuídas de acordo com a resolução da Comissão Intergestora Bipartite. Sendo 50% para a população em geral de 18 a 59  anos, não contempladas nos demais grupos, 30% para pessoas com comorbidades, deficiência permanente, gestantes e puérperas com comorbidades e também para 20% dos serviços essenciais escolhidos pelos conselhos municipais de saúde. 

Já as doses da vacina FioCruz AstraZenca serão utilizadas para a segunda dose de 6% do grupo de 60 a 64 anos contemplado na pauta 16-A e para 7,3% do público com comorbidades e pessoas com deficiência permanente inseridas também na pauta 16-A. 

“É de suma importância que a população possa completar o seu ciclo de imunização tomando a segunda dose.Por isso pedimos a você que na data marcada volte ao posto de vacina, ou ao local determinado pelo seu município e tome o seu reforço, só assim conseguimos vencer a pandemia da Covid-19”, enfatiza o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto.

 

 

Da Redação
[email protected] 

Imprimir