Cidadeverde.com
Esporte

Após acesso até Série A do Piauiense, presidente do Cori-Sabbá diz: “Voltamos com credibilidade”

Imprimir

Foto: Divulgação Cori-Sabbá

A equipe do Cori-Sabbá carimbou no último domingo (3) seu retorno a elite do futebol piauiense. O time comandado por Dejair Ferreira venceu o Comercial, de Campo Maior por 1 a 0 e garantiu o acesso, com 16 pontos somados na tabela, em 10 jogos e agora irá fazer a grande final da competição contra o Oeirense, que também está garantido na Série A do Piauiense em 2022. A final entre Oeirense x Cori-Sabbá acontecem na quarta-feira (6) e no sábado (9) e ambos os jogos sem público, pois os estádios não tem laudos em vigência. O primeiro jogo será em Floriano e o jogo decisivo será na Capital da Fé. 

“O alívio em ter conseguido o objetivo é imenso. O Cori-Sabbá a cidade de Floriano merecia demais ter seu retorno à elite do futebol piauiense e voltamos com credibilidade, com trabalho bem feito dentro e fora de campo. Sem dividas trabalhistas, pagando corretamente”, disse o presidente do clube Anderson Kamar. 

Foto: FUNDESPI

Ainda serão realizados dois jogos pela Série B do Estadual para conhecer o campeão, mas o presidente do time de Floriano já afirma que o pensamento está na temporada 2022, na disputa do Campeonato Piauiense e que aos poucos ele inicia conversa de renovação de contrato com uma parte dos atletas que estão vestindo a camisa do clube e também o técnico que conduziu o time até a elite do futebol local. 

“Claro que queremos a continuidade do trabalho do professor Dejair, um cara que chegou abraçou o clube e a cidade e entendeu bem principalmente nossa realidade financeira. Quero também manter boa parte desse elenco e até por isso estou conversando aos poucos com alguns deles. Temos esses jogos da final em que o objetivo é ser campeão, mas esse planejamento está sendo feito de forma paralela, pois não iremos entrar na competição só para participar”, frisou Kamar. 

As finais do Piauiense Série B acontecem na quarta-feira (6) e no sábado (9). Os dois jogos acontecem sem a presença do torcedor porque nenhum deles tem laudos para receber público. O primeiro jogo será na cidade de Floriano, estádio Tibério Nunes e o jogo decisivo na Capital da Fé, em Oeiras. Oeirense e Cori-Sabbá brigam pelo título na Série B. 

 


Pâmella Maranhão
[email protected]

Imprimir