Cidadeverde.com
Política

“Não tem briga”, afirma João Madson após impasse com Evaldo Gomes sobre chapas

Imprimir

Foto: Thiago Amaral/ Alepi

Uma avaliação do deputado João Madson (MDB) sobre o cenário eleitoral não caiu bem na opinião do também deputado Evaldo Gomes (Solidariedade). Na manhã desta quinta-feira (07), no entanto, a situação foi pacificada e o emedebista garantiu que “não terá briga”. 

O imbróglio começou devido a uma entrevista na qual João Madson avaliava que somente o PT, MDB, Progressistas, PSD e PL conseguiriam eleger deputados nas eleições proporcionais de 2022.
 
Evaldo Gomes não aprovou o fato de que neste cenário o Solidaridade, partido do qual é presidente estadual, ficaria de fora. Ele reagiu afirmando que João Madson não é um “articulador” e que deveria respeitar a estratégia dos demais partidos. 

“Hora ou outra aparece uma pessoa como o deputado João Madson que não entende nem de regra eleitoral, imagine de chapa. Acho que ele deveria se preocupar é com o MDB e cada um se preocupa com seus partidos”, frisou.

Nesta manhã, os parlamentares se encontraram no plenário da Assembléia Legislativa do Piauí (Alepi) e protagonizaram uma conversa. Após o diálogo, João Madson comentou sobre como havia ficado a situação com o colega parlamentar.
  
“Torço para que o partido [do Evaldo Gomes] possa fazer não só um mais dois deputados federais, três estaduais. Não tem briga por causa disso. As pessoas podem se sentir chateadas, mas logo vêm as pazes. Já conversei com ele e está tudo sob controle”, pontuou.  


Paula Sampaio
[email protected]

Imprimir