Cidadeverde.com
Últimas

Piauí colhe frutos do ‘boom’ olímpico e terá pela primeira vez atletas no Brasileiro de canoagem

Imprimir

Foto: Arquivo Pessoal

A cidade de Cascavel-PR será a casa da canoagem brasileira nos próximos dias. Começa nesta sexta-feira (3) o Campeonato Brasileiro de Canoagem Velocidade e Paracanoagem que será realizado no Lago Municipal de Paulo Gorski, e as competições irão até domingo (5). A grande novidade é que pela primeira vez o Piauí terá representantes na competição. Dois nomes nas provas de canoa e três nomes nas provas de caíque através de projetos sociais realizados em José de Freitas e na cidade de Parnaíba que ganharam forças após os resultados conquistados pelos brasileiros e em especial o piauiense Luis Carlos nos Jogos Olímpicos de Tóquio - 20. 

“Iremos fazer primeira um reconhecimento de pista amanhã (2) e depois se deus quiser estaremos participando das provas a partir de sexta-feira. É importante lembrar que independente de qualquer coisa o fato de estarmos aqui já é algo de muita valia, pois é a primeira vez que o estado do Piauí tem representantes em competição nacional na canoagem e esperamos que seja apenas um começo”, frisou Til Neves, técnico do Iporanga Canoagem projeto de José de Freitas. 

Os nomes que irão defender o Piauí na canoa são – Izabele Maria, 12 anos, que compete na categoria mini C1 e Pedro Augusto Resende, 13 anos, que irá cair nas águas pela categoria menor C1. “Luís Carlos tem um papel extraordinário dentro desse processo, pois muitos já acompanhavam ele antes dos Jogos Olímpicos de Tóquio, mas conquistar a medalha e depois voltar lá em José de Freitas teve um efeito boom com relação a crianças e adolescentes a procura da canoagem. Simplesmente cativou”, frisou Til Neves, técnico da delegação piauiense de canoagem.

Foto: Confederação Brasileira de Canoagem 

O projeto Iporanga Canoagem surgiu em 2018, na cidade de José de Freitas e tem Luís Carlos Cardoso, piauiense natural da cidade de Picos e medalhista de prata nos jogos Paralímpicos como padrinho.  

Porém de 2018 até 2021 muita coisa aconteceu e o maior impacto foi devido a pandemia de Covid-19 que forçou a paralisação das atividades do projeto, mas nos últimos cinco meses se vive o processo de retomada e atualmente 42 crianças e adolescentes estão inscritos no projeto e 39 deles participam de forma assídua com aulas três vezes na semana sob o comando do técnico e educador físico Til Neves. 

Os outros três representantes do estado do Piauí que estarão em Cascavel, no Paraná, são atletas da cidade de Parnaíba, esses também oriundos de projetos sociais. Os atletas também vivem a expectativa da presença de Isaquias Queiroz, medalhista de ouro nos Jogos Olímpicos de Tóquio e dono de duas pratas nas olímpiadas do Rio de Janeiro em 2016. 

O Brasileiro de Canoagem vai contar com a presença de 380 atletas, de 38 clubes, de 12 estados, sendo eles Bahia, Distrito Federal, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo, Tocantins além do Piauí. As provas começam oficialmente nesta sexta-feira (3) e vão até domingo (5). 

 

Pâmella Maranhão
[email protected] 

 

Imprimir