Cidadeverde.com
Últimas

Mais de 300 mil crianças devem ser vacinadas contra a covid no Piauí, estima Sesapi

Imprimir

Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com 

Mesmo ainda sem um número oficial por parte do Governo Federal, a Secretaria de Saúde do Piauí (Sesapi) estima que mais de 300 mil crianças, com idade entre 5 e 11 anos, poderão ser vacinadas contra o novo coronavírus (Covid-19) nos 224 municípios do estado, tão logo o Ministério da Saúde faça a distribuição das doses.

“[...] fizemos uma avaliação, via DataSus e utilizando o último censo, que também foi uma estimativa, temos aí mais de 300 mil crianças, podendo ser mais. Estamos trabalhando com essa possibilidade e com esse número para que a gente possa iniciar o mais rápido possível”, disse o superintendente de atenção à saúde da Sesapi, Herlon Guimarães.

A previsão é que a imunização deste novo público alvo seja iniciada no próximo mês de janeiro, quando as primeiras doses da Pfizer, específicas para esta faixa populacional, devem chegar ao Brasil. Por conta disso, a Sesapi tem discutido a logística de distribuição dos insumos necessários para a vacinação de crianças nas cidades piauienses. 

Isso porque a vacina que será aplicada nas crianças de 5 a 11 anos de idade terá uma dosagem e composição diferentes daquela utilizada para os maiores de 12 anos.  A formulação do imunizante para este público será aplicada em duas doses de 0,2 mL (equivalente a 10 microgramas), com pelo menos 21 dias de intervalo entre as doses. 

“O estado do Piauí já se prepara para isso, com seringas específicas, até porque a dosagem a ser realizada nas crianças será inferior ao que é hoje preconizada no adulto. Claro, existe a quantidade, que é primeira e segunda dose, e o tempo também que será estabelecido para que faça o intervalo das duas doses”, pontuou o superintendente da pasta.

Impasses
Apesar da expectativa do seu início, a vacinação infantil contra a Covid-19 no país ainda está envolta em polêmicas. Isso porque mesmo após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovar o uso da vacina da Pfizer em crianças, o Ministério da Saúde afirma que a imunização só deverá ser realizada com a autorização dos pais ou responsáveis e com a prescrição médica.

Por sua vez, o secretário de Saúde do Piauí, Florentino Neto, afirmou recentemente que não vai "burocratizar a vacinação" e não exigirá nenhuma autorização médica para a imunização de crianças contra a Covid-19 no estado.

Além disso, o Ministério da Saúde a abriu recentemente uma consulta pública sobre o tema para definir sua posição final acerca do assunto, iniciativa que vem sendo questionada por especialistas e autoridades.

 

Breno Moreno 
[email protected]

Imprimir