Cidadeverde.com
Cidades

Em um mês, mais de 50 serpentes foram resgatadas em Teresina

Imprimir

Em dezembro, mais de 50 serpentes foram resgatadas na área Urbana de Teresina. Segundo o tenente-coronel Carlos Teixeira, comandante do Batalhão da Polícia Militar, a maioria das ocorrências foram registradas em bairros na zona Leste, próximos a galerias, córregos e lagos, e durante o dia. 

"Na busca por refúgio, esses animais acabam entrando em contato com o meio urbano e muitas vezes se escondem em residências", cita o comandante. 

Ele ressalta que a primeira orientação é se afastar do animal e acionar o 190. Em caso de picada, deve-se ir à uma unidade de saúde. 

ABELHAS

Ocorrências envolvendo abelhas também são comuns na Capital. Em dezembro, por exemplo, um deficiente visual morreu após um ataque na região do Grande Dirceu. O tenente-coronel reforça que a orientação, para casos como esses, também é se afastar e ligar para o 190. 

"É ficar longe e acionar o Batalhão Ambiental que fará o recolhimento do enxame durante a noite. Uma vez atacada, a pessoa pode ser alérgica e terá febre, entre outros sintomas", pontua. 


Da Redação
[email protected]

Imprimir