Cidadeverde.com
Geral

Metrô de Teresina para de funcionar após trilho apresentar problema, diz CMTP

Imprimir

Foto: Arquivo/Cidadeverde.com

Atualizada às 12h20

A direção do CMTP informou no final da manhã desta quarta (19) que o metrô de Teresina segue parado devido à manutenção nos trilhos.

A previsão inicial dava conta de que o VLT na cidade voltaria a circular às 11h. Contudo, segundo a diretora Josiene Marques, esse retorno deve acontecer somente no final da tarde de hoje. 

Matéria original

O metrô de Teresina parou de funcionar na manhã desta quarta-feira (19) por causa de uma manutenção. Segundo a Companhia Metropolitana de Transporte Público (CMTP), um trecho do trilho por onde o metrô passa apresentou problemas. 

A manutenção deve ser encerrada ainda na manhã de hoje.

De acordo com a diretora-presidente do CMTP, Josiene Marques, a linha férrea por onde transita o VLT (Veículo Leve sobre Trilhos) é compartilhada com outras empresas que transportam cargas pesadas. 

“Na terça, percebemos que houve um afastamento de uma fenda muito grande na linha férrea. Então, precisamos parar para fazer essa recuperação. Paramos hoje pela manhã e até as 11h o metrô deve estar de volta aos trilhos”, afirmou Josiene Marques. 

A diretora-presidente do CMTP destacou também que o VLT de Teresina é equipado com sensores que percebem esses afastamentos nas linhas férreas. Assim que são detectados, os VLTs param e enviam aos responsáveis dados sobre o problema. 

VLT em Teresina

Os trilhos por onde transita o VLT em Teresina tem 13,5 km de extensão, abrangendo 11 estações e transportando, em média, 5 mil passageiros ao dia, entre a zona Sudeste e o centro.

O metrô em Teresina tem três vagões com capacidade para 600 pessoas. O valor da passagem custa R$ 1,00.  

 

Nataniel Lima
[email protected] 

 

Imprimir