Cidadeverde.com
Geral

Professora que morreu após carro ser arrastado pelas chuvas é sepultada e recebe homenagens

Imprimir

Foto: Renato Andrade/Cidadeverde.com 

Atualizada às 13h00

Comoção, tristeza e revolta marcaram o sepultamento da professora Wana Sara Cavalcante Henrique, 39 anos, na manhã desta segunda-feira (07), no cemitério São José, Centro da capital. No local, amigos e familiares estavam bastante emocionados.

A cunhada de Wana Sara, Dandara Veloso de Sousa, contou que ela tinha muitos sonhos, doava seu tempo com ações sociais e transfomava vidas.  

"Ela doava todo o tempo que ela tinha, trabalhava em escolas com crianças, fazia ações sociais, ela transformava vidas. Ela tinha muitos sonhos que poderiam ser planejados se tudo fosse evitado, se tudo fosse feito como deveria ter de sido feito”, diz Dandara Veloso. 

Dandara Veloso disse ainda que a tragédia poderia ter sido evitada e externou a revolta da família. “A gente queria externar a nossa revolta porque ela não foi a primeira pessoa, então a gente não pode falar que foi um acidente, acidente é quando a gente não espera, mas isso foi uma tragédia anunciada", desabafou.  

Wana Sara também foi homenageada na manhã desta segunda-feira (07) durante uma assembleia do Sindicato dos Servidores Municipais, realizada no Teatro de Arena, na praça da Bandeira. Os profissionais fizeram um minuto de silêncio e orações. 

Os servidores da rede municipal de Educação também soltaram balões brancos, como forma de homenagear a professora. (Veja mais fotos da homenagem no final da matéria) 

Foto: Renato Andrade/Cidadeverde.com 

Wana Sara era pedagoga e trabalhava há cinco anos como superintendente escolar da Secretaria Municipal de Educação. Nas escolas onde ela trabalhava, os colegas de trabalho ressaltava a simpatia e amizade da professora com todos os alunos e funcionários. 

 

A coordenadora pedagógica Maria Helena contou ao Cidadeverde.com que ainda havia esperança de encontrar Wana Sara viva e desabafou sobre o problema da galeria de água no local, onde o carro da professora caiu. 

“Quando a gente soube da descoberta do carro dela bem maltratado, a gente ainda alimentava a esperança que ela pudesse está inconsciente e infelizmente a gente soube da morte. Segundo algumas falas, ela estava em um momento de vida muito alegre e subitamente foi levada em um situação que não é a primeira vez e a prefeitura nada fez. Será que em toda chuva vai precisar que em determinado ponto de alagamento morra alguém, para que seja feito alguma coisa?” questionou a coordenadora.

O caso

Wana Sara teve seu carro arrastado pela correnteza durante uma forte chuva na noite da última sexta-feira. O veículo acabou sendo levado pela água até uma cratera no trecho das obras da galeria da zona Leste, nas proximidades da Avenida Homero Castelo Branco. 

O corpo da professora foi encontrado na manhã deste domingo (06), nas proximidades do rio Poti, na região do Parque Floresta Fóssil, cerca de dois quilômetros distante do local do desaparecimento. 

O caso gerou bastante comoção nas redes sociais durante o final de semana. Amigos e colegas de trabalho prestaram homenagens e lamentaram a morte precoce da professora, que era lotada na Secretaria Municipal de Educação de Teresina. 

Também através das redes sociais, a prefeitura de Teresina emitiu nota de pesar em que afirma que Wana Sara era uma profissional dedicada e que contribuiu durante muitos anos com a educação do município.

Foto: Arquivo Pessoal

 

Investigação

A Polícia Civil do Piauí deu início à investigação que apura a morte da professora. O delegado Paulo Gregório, titular do 5º Distrito Policial, adiantou ao Cidadeverde.com que foi solicitado exame necroscópico no cadáver.

Policiais civis e peritos acompanharam o resgate e, entre os questionamentos a serem apurados, está a responsabilidade pela possível omissão. 

 

 

 

Flash Rebeca Lima
[email protected] 

  • homenagem.jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • Homenagem_professora_(7).jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • Homenagem_professora_(6).jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • Homenagem_professora_(5).jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • Homenagem_professora_(4).jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • Homenagem_professora_(3).jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • Homenagem_professora_(2).jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
  • Homenagem_professora_(1).jpg Renato Andrade/Cidadeverde.com
Imprimir