Cidadeverde.com
Política

Sílvio Mendes diz que aguarda definição nacional para decidir apoio a presidenciável

Imprimir

Foto: Renato Andrade/Cidadeverde.com

Pré-candidato ao governo do Piauí, Sílvio Mendes (União Brasil) afirmou que só irá se posicionar sobre a disputa presidencial quando houver uma melhor definição das candidaturas. Em entrevista à TV Cidade Verde nesta quarta-feira (04), o ex-prefeito da capital reiterou que aguarda a consolidação dos nomes hoje postos. 

“Essas definições ainda não aconteceram. Só posso dizer e tomar uma posição quando as coisas estiverem claras. Tomei uma posição em Teresina, depois de matutar, pensar e refletir tomei uma decisão séria, com muita responsabilidade e muitos desafios. Estou dedicado a essa missão. Outra decisão, é aguardar mais um pouco”, declarou o pré-candidato.

Sílvio Mendes ainda pontuou que postergou essa questão por conta das articulações entre  União Brasil, MDB e PSDB para uma aliança. O piauiense, que ainda prefere não se envolver nos debates nacionais, reiterou sua descrença na viabilidade da chamada “terceira via”. “Era missão impossível. Tão impossível que não aconteceu”, argumentou. 

Ruptura

Entrevista o postulante ao Palácio de Karnak comentou a decisão do vereador Luís André, seu correligionário, em assumir uma secretaria na gestão do prefeito Dr. Pessoa (Republicanos). Embora reitere carinho e admiração pelo parlamentar, Sílvio Mendes reforçou que a decisão os torna adversários. 

“Tenho muito carinho pelo Luís André. Lamentei, mas é uma decisão. Pra mim foi uma decisão desagradavel, mas é a decisão [...] A partir do momento que você tomar a decisão, você é meu adversário. Com respeito, consideração, uma história que tivemos juntos, mas boa sorte para você”, afirmou o ex-prefeito.

Luís André deve assumir a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMAM) e desistir da sua candidatura a deputado federal, desfalcando a chapa do União Brasil. A decisão, no entanto, é questionada por Sílvio Mendes. 

“Ele tem formação jurídica, ele fez Direito. Pra que tomar de conta de Meio Ambiente? Pelo amor de Deus. A inteligência permite que você forme uma equipe para fazer o que tem que ser feito, ninguém sabe tudo, mas acho que destoa um pouco”, finalizou o pré-candidato.

Breno Moreno (Com informações do Jornal do Piauí)
[email protected]

Imprimir