Cidadeverde.com
Geral

TJ e governo formam parcerias para melhorar Complexo de Defesa da Cidadania

Imprimir

Foto: Renato Andrade/Cidadeverde.com

A governadora Regina Sousa (PT), e o presidente do Tribunal de Justiça do Piauí, desembargador José Ribamar Oliveira, realizaram uma visita ao Complexo de Defesa da Cidadania nesta quinta-feira (5).  O objetivo da agenda foi verificar as condições e estrutura do prédio e avaliar a necessidade de adequação às recomendações do CNJ e da ONU para transformá-lo em Núcleo de Atendimento Integrado (NAI). 

Regina Sousa anunciou uma reforma para o local, tarefa que será incumbida ao secretário José Santana (MDB) coordenar. A governadora também falou na criação de centro de convivência para crianças e adolescentes em Teresina. 

“Mais espaço que é o mais complicado, mas o engenheiro vai vir olhar e já tem um projeto de reforma, que vai abrir dia 25, pedi ao secretário Santana, para discutir com eles alguma mudança que possa ter nesse projeto, ver o que pode aditivar alguma coisa e propomos para a política de crianças e adolescentes a criação de centros no modelo de Medelyn, pelo menos um quero terminar, que será no Mocambinho”, disse.

Foto: Divulgação/TJ-PI

O desembargador José Ribamar Oliveira afirmou que o espaço precisa de melhorias e que a intenção é criar um aperfeiçoamento da gestão da justiça criminal.

“Sentimos a urgência em convidar a governadora do Estado para analisarmos juntos as condições do Complexo de Defesa da Cidadania e poder propor melhorias no prédio, pois temos que pensar não somente na boa acolhida do menor quando acontece o ato infracional, mas também devemos pensar no retorno dele à sociedade. Sabemos que muitos voltam a praticar infrações, coordenadas pelas organizações criminosas e que muitos acabam morrendo. Viemos aqui então começar uma série de visitas e iniciativas para melhorar a situação do local”, destacou o presidente do TJ-PI.

Na sexta-feira (6), uma reunião será realizada entre representantes do Judiciário, Governo Estadual e demais órgão do sistema de justiça para discutir ações que podem ser realizadas para que possa ser prestado um melhor serviço.

Foto: Divulgação/TJ-PI

 


“O espaço merece ter melhorias em vários setores, possibilitando um atendimento adequado e a verdadeira ressocialização”, destacou a governadora Regina Sousa.O corregedor-geral da Justiça, desembargador Fernando Lopes, parabenizou a Presidência pela iniciativa e afirmou que a CGJ está sempre à disposição da gestão para o aperfeiçoamento do Judiciário de primeiro grau. “O melhoramento dessa unidade é uma preocupação de todos nós que compomos a Administração. A Dra. Elfrida Belleza, magistrada da 2ª Vara da Infância e Juventude da comarca de Teresina, e os servidores desta unidade podem contar com todo o nosso apoio”, declarou.

Também participaram da visita  o corregedor-geral da Justiça, desembargador Fernando Lopes, a coordenadora Estadual Judiciária da Infância e da Juventude, juíza Elfrida Belleza, e representantes do Ministério Público Estadual, Defensoria Pública do Estado, Secretaria de Assistência Social e demais membros da equipe do governo do estado.

 

Paula Sampaio
[email protected]

 

Imprimir